Mensagens de Saudades

Solidão não é a falta de gente para conversar, namorar, passear ou fazer sexo... isto é carência.
Solidão não é o sentimento que experimentamos pela ausência de entes queridos que não podem mais voltar... isto é saudade.
Solidão não é o retiro voluntário que a gente se impõe, às vezes, para realinhar os pensamentos... isto é equilíbrio.
Solidão não é o claustro involuntário que o destino nos impõe compulsoriamente para que revejamos a nossa vida... isto é um princípio da natureza. Solidão não é o vazio de gente ao nosso lado... isto é circunstância. Solidão é muito mais do que isto. Solidão é quando nos perdemos de nós mesmos e procuramos em vão pela nossa alma.

Hoje a saudade bateu forte, o coração reclamou sua ausência, o ar não é mais o mesmo, tudo se torna frio sem sua presença quente.
Quando está por perto é como se fosse pétalas de rosas exalando no seu perfume cheiro de paz, amor e vida.
É difícil suportar sua ausência, me invade uma ansiedade, um medo de não poder vê-lo novamente, é inexplicável essa sede que tenho do seu amor.
Me vejo a todo instante buscando você nas lembranças dos nossos bons momentos, até parece que caiu nos laços desse sentimento que envolve a alma e nos tornam escravos da paixão.
Venha, venha deixar eu saciar a minha sede nessa fonte saborosa que são seus abraços e beijos sempre com sabor de quero mais.

Adorei o teu convite para passar os feriados do carnaval contigo. Podes esperar, vou estar ao teu lado em breve, com certeza. Tu foste mesmo um amor ao convidar-me para ir ficar contigo. Sempre sonhei com isso, eu e tu juntos a aproveitar o carnaval. Agora que tu moras aí, e tiveste a gentileza de me chamar, estou muito feliz. Garanto a minha presença, até porque já não aguentava a saudade.
Já estou a planejar a viagem, quero estar contigo logo cedo. Vamos à praia e, com toda animação, vamos preparar-nos para irmos para o desfile. O certo é que vamos aproveitar muito este carnaval.
O teu convite provocou-me uma especial alegria porque percebi que a tua ida não foi suficiente para tu me esqueceres. O meu coração deu pulinhos dentro do peito, já na cadência da festa. A minha garota não me esqueceu! Vou estar com ela no carnaval. Eu aqui, estava meio triste só de pensar no carnaval longe de ti. Mas agora juntos vamos fazer o maior sucesso.
A tua lembrança chegou mesmo na hora em que eu mais sentia a melancolia da tua ausência. Lembrei o dia em que juntos planejamos algumas fantasias carnavalescas. E agora, eu e tu não vamos deixar passar em branco. Nosso plano deu certo!

Eu sou feito de Sonhos interrompidos detalhes despercebidos amores mal resolvidos
Sou feito de Choros sem ter razão pessoas no coração atos por impulsão
Sinto falta de Lugares que não conheci experiências que não vivi momentos que já esqueci
Eu sou Amor e carinho constante distraído até o bastante não paro por instante
Já Tive noites mal dormidas perdi pessoas muito queridas cumpri coisas não-prometidas
Muitas vezes eu Desisti sem mesmo tentar pensei em fugir, para não enfrentar sorri para não chorar
Eu sinto pelas Coisas que não mudei amizades que não cultivei aqueles que eu julguei coisas que eu falei
Tenho saudade De pessoas que fui conhecendo lembranças que fui esquecendo amigos que acabei perdendo Mas continuo vivendo e aprendendo. E assim vivo firme e forte nesta vida rumo a casa prometida (Céu).

Adeus!
Palavra que na alma cala... Quando a ausência de quem se ama mais alto, dentro de nós, fala!
É sentimento dorido, pois não tem aquele que já não o tenha sofrido... Pela dor de um amor já findo.
Adeus é despedida sem volta, é sentimento profundo doído.
Uma saudade que nunca acaba, que a gente nunca esquece... O tempo apenas esmorece. Mas na alma fica reservado. No coração resguardado... Num cantinho do ser, escondido!
A vida passa e com ela a dor dilacera todo o sofrimento contido... E quem dera a vida sem ela... Seria tão mais linda! Mais bela!
Se esta palavra fosse de nós abolida! E com ela o sentimento tão triste, que nesta cinco letras, se revela...

Lembro-me ainda, pai, daquelas manhãs em que sentia seu beijo sobre a minha testa, suas mãos alisando meus cabelos, ajeitando os cobertores e depois saindo do meu quarto nas pontas dos pés. Eu fingia que dormia pai.
Como era bom ouvir seus passos vindo para perto da minha cama... Sentir que seus olhos me fitavam com tanto amor (quase devoção). Docemente eu adormecia, sonhava com anjos vestidos de todas as cores e todos eles tinham os rostos iguais ao seu. Eu acordava, ainda sob a magia do seu toque, do seu carinho, da sua presença angelical e protetora.
Você sempre me pareceu o mais bonito de todos os homens, o mais inteligente, o mais sábio, o mais feliz só por me saber no mundo... Eu, sua semente germinada, seu fruto favorito, sua flor mais bem cuidada.
Lembro-me ainda, pai, das brincadeiras no quintal, dos safanões pelas minhas travessuras, do seu remorso depois.
Sabe pai?
Eu me aproveitava dos seus remorsos para pedir coisas que queria, só para sentir que, apesar das minhas traquinagens, você me amava acima de tudo e sempre me perdoava.
Até acabava achando graça... Não era assim, pai?
Em meio a essas lembranças, sinto vontade de partir com você para a "Terra do Nunca Crescer", onde as lágrimas são de manha, de mimo, de dengo... Que vontade, pai!
Hoje sou fruto maduro, uma planta crescida, uma flor toda aberta num jardim onde passa tanta gente, pai!
Olhando toda essa gente, imagino que todas (ou quase todas) sentem-se como eu.
Isso me consola e faz-me seguir adiante, faz-me ir ao encontro da felicidade, que você sempre me assegurou que existe.
Não estou infeliz, pai. Apenas sinto saudade... Sinto falta de você ao meu lado como antes.
Eis porque agora abro-lhe meu coração, minha alma e todo meu sentimento.
Nenhum outro homem marcará tanto a minha vida como você já marcou. Ninguém invadirá este lugar em mim onde para sempre você há de morar e onde sempre morou.
Pai abrace as minhas lembranças e todo o meu amor.

Quando tudo acabar vai ser um prazer
sem trabalhos, sem T.I, sem TCC
vai ser a hora de por tudo em prática,
vai ser o momento da ação,
mais também vai ser um momento de tristeza,
pois vai bater aquela saudade da minha turma de Administração,
vou lembrar-me dos amigos e de tudo que vivi,
de quantas vezes eu chorei e momentos que sorri,
vai passar um filme na cabeça, de lembranças sem igual,
de como tudo que era difícil, complicado, tão real,
e vai fazer tanta falta que vai dar aquela vontade de viver tudo de Novo,
mais o tempo haverá passado e só lembranças restaram,
de amigos, professores e tantas pessoas com quem aprendi,
que nada na vida é em vão,
em meus olhos lagrimas iram escorrer,
e um coração acelerado ira responder,
que na vida deve-se dar valor a todas as pessoas e momentos,
pois poderão não se ver mais e os momentos desaparecer.

Hoje minha alma balança... enlouquecendo o meu coração
Já fui às nuvens e afundei-me na terra, meu pensamento não descansa, escalando uma íngreme serra
Meu tormento vai-se ao vento e me traz a fragrância do corporal perfume que inebria e arrepia todo o meu corpo, morto de saudade do amor que já não tive!

Queria não ter tanto amor guardado pra você. Queria que essa dor não me fizesse sofrer. Queria que este sentimento não estivesse em meu peito. Queria dizer que já o esqueci e que a essa dor, sobrevivi. Queria dizer que encontrei a saída e que esse amor não faz mais parte da minha vida. Queria de verdade, não sentir saudade. Mas como esquecer seu sorriso? Se ele me levou ao paraíso! Como esquecer sua boca? Se ela ainda me deixa louca! Como esquecer seu olhar? Se ele me ensinou a amar! Como esquecer você? Se sem você não sei viver!

Saudade!
Palavra tão simples, existente somente no nosso idioma.
Talvez eu ainda tivesse a chance de lhe dizer tudo o que nunca foi dito...
Se eu ainda tivesse tempo falaria para você o quanto você foi importante em minha vida...
Falaria que em nossas vidas acontecem as coisas certas, em horas incertas...
Você em minha vida foi algo assim a coisa mais certa numa hora incerta...
Por isso perdi você...
Se o tempo voltasse...
Jamais te deixaria ir embora, te prenderia em meus braços e falaria o quanto te amei...
Se o tempo voltasse...
Falaria para você que tudo o que vivemos e sonhamos, não se repetirá com outro alguém...
Pois tínhamos os nossos segredos, que a ninguém jamais revelarei...
Se o tempo voltasse...
Se eu pudesse, eu voltaria para você...

Valeu enquanto durou Essa nossa amizade Foi tudo que me custou O preço de uma saudade
Procurei deixar em paz O meu pobre coração Ele é frágil demais Pra sentir tanta paixão
Me deu vida mais sofri A paixão que eu senti Já não quero sentir mais
Eu não estou mais aqui Quero ficar bem ali Pra não voltar, nunca mais.

Eu estava sozinha o silêncio me fazia companhia, como a lua, as estrelas... A noite estava fria e triste, sentia em meu peito a dor da solidão e da saudade, era como espinhos de rosa a me machucar. Então começou a chover, as gotas da chuva misturaram-se às minhas lágrimas e o vento soprava em minha face a brisa do mar. Um raio desceu fulminante sobre a terra quebrando o silêncio e rompendo a escuridão, era como se a própria noite chorasse a sua ausência. Pude sentir por instantes o calor do seu corpo à me envolver em um último abraço, cheio de ternura e carinho, era o adeus... Adeus meu amado, enquanto as estrelas enfeitarem a noite e as rosas exilarem seu perfume eu me lembrarei do nosso amor!

Há muito tempo partiste, Desde então vivo triste, já não tenho mais esperanças Que algum dia tu irás voltar. Mesmo assim, aquele eu te amo Ainda existe.
Tenho imensa saudade daqueles momentos felizes Que vivemos juntos, recordo-me de cada uma de nossas Aventuras. Sabe estas lembranças não se apagaram.
A cada dia que passa elas se renovam. Aquelas feridas que se abriram Com tua ausência, agora não passam de cicatrizes.
Escolhemos caminhos diferentes a seguir, Por esta vida afora. O meu único desejo é que nós possamos Encontrar a felicidade que tanto procuramos. Façamos isso, e não nos esqueçamos jamais que em algum lugar Deste tempo nos amamos.

Vivo de saudade Vivo de vontade Vivo fugindo da verdade...
Vivo sem saber o que dizer quando encontrar você Vivo sem saber nem mesmo explicar o por que? Vivo querendo te encontrar na rua sem querer...
Eu queria mesmo é te dizer que pra mim Foi muito mais do que alguns momentos com você.
Vivo sentindo um amor que não me permito viver. Vou viver o resto da minha vida querendo viver você...

Nos teus olhos a sentir Vagueia uma canção Lentamente faz ouvir Invadindo o coração
Quisera com ansiedade Debaixo de um sapoti Cantar-te toda saudade Que eu tenho vivido aqui
O que mais queria agora Criar asas nessa hora Voar a procura de ti
Vou me despedir chorando Aos poucos vou lamentando O quanto sofro por ti.

Sumi porque só faço besteira em sua presença, fico mudo quando deveria verbalizar, digo um absurdo atrás do outro quando melhor seria silenciar, faço brincadeiras de mau gosto e sofro antes, durante e depois de te encontrar.
Sumi porque não há futuro e isso não é o mais difícil de lidar, pior é não ter presente e o passado ser mais fluido que o ar.
Sumi porque não há o que se possa resgatar, meu sumiço é covarde mas atento, meio fajuto meio autêntico, sumi porque sumir é um jogo de paciência, ausentar-se é risco e sapiência, pareço desinteressado, mas sumi para estar para sempre do seu lado, a saudade fará mais por nós dois que nosso amor e sua desajeitada e irrefletida permanência.

Amigo, estou certo de que você está bem, mas estou escrevendo esta mensagem para matar a saudade. Faz muito tempo que não nos vemos. A distância não provoca em mim o esquecimento das pessoas chegadas, por isso quero marcar alguma coisa. E não é preciso pretexto para nos encontrarmos. Vamos simplesmente colocar a conversa em dia.
Amigo é aquele cara que com luz própria ilumina nosso caminho, quando fala algumas verdades. Com a liberdade que a amizade concede, também nos dá oportunidade de sugerir correções para os objetivos da sua vida. Essa é a imagem do amigo que a gente busca.
Confundir o colega, aquele simples companheiro de boteco, com o amigo verdadeiro é um erro que não cometo. Nos momentos difíceis da nossa vida, eu soube distinguir o grande amigo que você é, nunca o igualei com um conhecido qualquer de quem jamais precisei, e não faço questão de ser amigo.
Gosto de você cara, pelo seu espírito, pela camaradagem que se criou entre nós, além da afinidade que sempre existiu. Não precisamos gostar das mesmas coisas, nem torcer pelo mesmo time, somos amigos porque, sem nenhum laço de família, podemos dizer que somos irmãos.
Espero encontrá-lo em breve.
Um abraço!

Linda estrela Que no céu se encontra só Banhe de luz os meus passos Pois estou sozinha Neste meu quarto vazio...
Liberte meu coração Da mais forte ilusão Liberte-me das garras da saudade Que por onde ando Está atrás de mim.
Estrela Solitária Que sabe o que é ser só Compreenda os meus desejos E solte meus sonhos para a realidade...
Traga até mim Aquele brilho Que o tempo fez questão de levar.
Salve minhas esperanças E me diga o que é ser feliz.
Não me deixe só Não fique só...
Porque juntas Nossa poesia será mais perfeita E a solidão não mais existirá.
Deixe de ser Uma Estrela Solitária.

Saudade é quando o momento tenta fugir da lembrança para acontecer de novo e não consegue.

Lembrança é quando, mesmo sem autorização, seu pensamento reapresenta um capítulo.

Angústia é um nó muito apertado bem no meio do sossego.

Preocupação é uma cola que não deixa o que ainda não aconteceu sair de seu pensamento.

Indecisão é quando você sabe muito bem o que quer mas acha que devia querer outra coisa.

Certeza é quando a ideia cansa de procurar e para.

Intuição é quando seu coração dá um pulinho no futuro e volta rápido.

Pressentimento é quando passa em você o trailer de um filme que pode ser que nem exista.

Vergonha é um pano preto que você quer pra se cobrir naquela hora.

Ansiedade é quando sempre faltam muitos minutos para o que quer que seja.

Interesse é um ponto de exclamação ou de interrogação no final do sentimento.

Sentimento é a língua que o coração usa quando precisa mandar algum recado.

Raiva é quando o cachorro que mora em você mostra os dentes.

Tristeza é uma mão gigante que aperta seu coração.

Felicidade é um agora que não tem pressa nenhuma.

Amizade é quando você não faz questão de você e se empresta pros outros.

Culpa é quando você cisma que podia ter feito diferente mas, geralmente, não podia.

Lucidez é um acesso de loucura ao contrário.

Razão é quando o cuidado aproveita que a emoção está dormindo e assume o mandato.

Vontade é um desejo que cisma que você é a casa dele.

Paixão é quando apesar da palavra "perigo" o desejo chega e entra.

Amor é quando a paixão não tem outro compromisso marcado.
Não... Amor é um exagero... também não.
Um dilúvio, um mundaréu, uma insanidade, um destempero, um despropósito, um descontrole, uma necessidade, um desapego?

Talvez porque não tenha sentido, talvez porque não tenha explicação.
Esse negócio de amor, não sei explicar.

Ainda agora a saudade me visitou Com suas recordações me torturou
Ela não tem me deixado nem dormir Tenho chorado desde que vi você sorrir Ainda agora lembrei do seu rosto Uma lembrança que me atirou num frio poço
Minha alma sangra todos os dias Sua ausência me traz tanta agonia Ainda agora pensei em como eu era antes E em tudo o que me tornei por você estar distante
Não sinto alegria nem por um instante Ainda agora desejei te esquecer Mas sei que você é a razão do meu viver Ainda agora lembrei o quanto eu amo você.

Hoje estou aqui quieta, Lembro de cada momento..., Do quanto foi bom... Foi maravilhoso ter estado com você Agora sinto-me sem graça Um sorriso triste invade meu rosto... Lágrimas percorrem minha face... Estou pensando em você.
Quero você, mas sei que não posso tê-lo, Seu caminho já não é o mesmo, não és o mesmo... Sei que não tens culpa nem eu tenho... De ter permitido que o amor tomasse conta de mim... Já compreendi..., acho que sim... Não imaginava que teria fim... Mas a vida é assim mesmo... Injusta... Quem sabe, mas foi assim.
Não suporto mais tanta dor... Não posso mais conviver com este vazio... Você foi cruel dizendo que me amava... que seria pra sempre Foi... Eu sei que foi ilusão tudo o que vivemos... Realmente acreditei nas tuas promessas de amor, Acreditei que seria para sempre... me deixei iludir, Então a culpa foi minha, apenas minha...
Mesmo que hoje tudo pareça um enorme labirinto Sem saber ao certo onde vai dar... Sinto-me realmente feliz por ter um dia amado... Vivi o que muitos não acreditam... Creio que seja o sentimento mais sincero... Amar...
Neste momento entendo, você me fez ver Que mais do que sincero... No final será sempre solidão... Esta foi a recompensa de ter lhe amado tanto... Hoje vivo e sou solidão... e a culpa...? A culpa... É do destino por ter traçado caminhos diferentes...
Ah... Meu amor, você não errou quando ensinou-me a amar... E sim quando me pediu para esquecê-lo... E ofereceu-me um mundo de realidades... Onde encontrei os piores sentimentos... Saudade, solidão e um vazio enorme...
Será que saberei amar novamente...? Será que saberá amar algum dia? Porque hoje somos dois corações... Partidos e perdidos talvez... Esperando alguém para viver o verdadeiro amor... Ainda te amo..., mas... Acabou...

Tem noite que me dá vontade de chorar e nem sei mais por onde eu vou te procurar. A falta de você machuca e faz doer. Todas as lembranças me trazem esperança de ter você comigo outra vez.
Sinto o gosto do seu beijo mesmo estando tão distante e me lembro dos seus olhos me olhando como antes. Tentei ser feliz, mas não consegui porque eu não vivo sem você. Você é um pedaço de mim.
Volta pra mim? É impossível te esquecer, está no coração essa paixão.
Estou morrendo de saudade de você!