Mensagens de Natal

Natal é tempo de família, e como meus amigos fazem também parte da minha, eu desejo que nesta época natalina estejamos todos unidos. Não importa se não estivermos no mesmo lugar, o que importa é estarmos unidos pelos sentimentos da amizade e do amor. Feliz Natal, meus amigos!

Que o Papai Noel encha todos vocês de presentes, mas que o maior de todos os presentes seja sentido no coração através da paz, do amor e da bondade. Que o Menino Jesus cumpra todos seus desejos, e os meus, que para vocês são de muita felicidade e muita prosperidade no ano que vem.

Sejam felizes, meus amigos, e que nossa amizade seja eterna e juntos comemoremos muitos natais com saúde e alegria. Muita paz!

É tempo de festa, é tempo de confraternização, é tempo de reunir os amigos e familiares, é tempo de dar e receber, é tempo de comer, beber e engordar!

Finalmente chegou aquela época do ano em que quase todos os dias temos uma desculpa para fazer uma festinha. É a confraternização do trabalho, amigo secreto da faculdade, do curso de inglês, das primas distantes, das amigas inseparáveis, etc. E a cada confraternização destas, engordamos 2 quilos e gastamos quase o equivalente em lembrancinhas, comida, bebida e decoração.

E o Natal é isso, é felicidade, é amor, amizade, união, presentes, comilança, bebelança e tudo o mais. Mas ainda bem que é apenas uma vez por ano, porque assim não há dieta que resista e nem bolso que aguente!

Boas festas meus amigos e aproveitem bem o Natal e o Réveillon, porque agora só no ano que vem!

Esta é uma história sobre um jovem casal, Jim e Della. São pobres mas muito apaixonados.
Com a proximidade do Natal, Della tinha dúvidas sobre o que comprar para presentear Jim. Ela gostaria de lhe dar uma corrente para o relógio de bolso que ele mantinha com tanto carinho, mas ela não teria dinheiro suficiente. Então ela teve uma idéia.
Ela tinha longos e belos cabelos. Assim Della decidiu cortar o cabelo e vendê-lo para comprar a caprichosa corrente para o relógio de Jim.
Na véspera do Natal ela volta para casa, e na mão dela está um caixa bonita que contém uma corrente de ouro que comprara vendendo o seu cabelo. De repente Della começa a se preocupar. Ela sabe que Jim sempre gostou do cabelo longo, e temia desapontá-lo por tê-lo cortado e vendido.
Della sobe o último lance de degraus que conduzem para o seu minúsculo apartamento. Abre a porta e é surpreendida ao encontrar Jim em casa esperando por ela. Nas mãos dele um embrulho que, com certeza, contém o presente que ele comprou para ela.
Quando Della remove o lenço Jim vê o cabelo cortado, e arregala os olhos. Mas ela não diz nada. Ele sufoca as lágrimas e entrega à Della a caixa de presente.
Quando Della abre a caixa, mais uma surpresa. Na caixa, um bonito jogo de pentes de prata para o seu longo cabelo.
E quando Jim abre o presente dele, ele, também, está surpreso. Dentro da caixa uma bonita corrente de ouro para o seu relógio de bolso. Só então Della descobre que Jim penhorou o relógio de ouro dele para lhe comprar os pentes de prata.
Aprenderam, ambos, que mais bonito que todo e qualquer presente é o amor que ele simboliza.

Natal e ano novo são épocas festivas, de paz e alegria, de grande significado e importância. Mas com amigos como os meus, são ainda mais especiais!

A todos e cada um de vocês agradeço pela amizade e por terem ajudado a fazer deste ano que agora acaba, um ano maravilhoso e muito feliz! Vocês são os melhores amigos do mundo.

Que neste Natal a alegria, o amor e a esperança renasçam nos corações de todos vocês, que celebrem junto das suas famílias e nas suas casas reinem a paz e a harmonia. Que o Ano Novo traga novos sonhos e muitas realizações, que seja próspero e a cada dia a felicidade seja renovada.

E acima de tudo, que continuemos juntos por mais este ano. Boas festas, queridos amigos!

Eu tinha dez anos e quando se aproximava o Natal, eu queria um trem elétrico. Os tempos eram de recessão econômica mas, ainda assim, minha mãe e meu pai deram-me um maravilhoso trem elétrico.
Na manhã do Natal fiquei radiante observando meu trem. As horas seguintes dediquei exclusivamente para brincar, observando a locomotiva puxando os vagões para a frente e para trás.
Minha mãe disse que comprara um trenzinho para Mark, o filho da senhora Hansen, uma pobre viúva que morava na rua de baixo. Quando olhei seu trem, percebi que era muito mais simples que o meu mas que tinha um vagão tanque que admirei bastante. Implorei e minha mãe sucumbiu ao meu pedido e me deu o vagão tanque. Eu o coloquei em meu treme fiquei muito satisfeito com o resultado.
Mais tarde, minha mãe e eu fomos levar os vagões restantes e a locomotiva para o Mark Hansen. O menino era um ou dois anos mais velho do que eu. Ele jamais esperava tal presente. Ficou muito satisfeito e alegre. Com as mãos, ele movimentou a locomotiva, que não era elétrica nem tão cara como a minha, e era pura alegria com a locomotiva e os dois vagões.
Tive uma terrível sensação de culpa quando voltei pra casa. O vagão tanque já não me encantava mais. De repente, peguei o vagão tanque e mais dois vagões de meu trem, corri até a casa de Mark e anunciei orgulhoso
- Nós esquecemos de trazer três vagões que pertencem ao seu trem. Eu não sei quando uma outra atitude me fará sentir melhor do que essa experiência de um menino de dez anos de idade.

Vivemos a época mais festiva do ano, e a você eu desejo que este Natal traga muitos presentes no sapatinho, que não falte a comida gostosa, mas sobretudo que seu coração e sua casa se encham de paz e amor.

Que o Ano Novo venha renovado de esperança, carregado de sonhos e oportunidades para realizar. Desfrute desta época em pleno, com muita alegria, e na companhia daqueles de quem mais ama. Feliz Natal e um próspero Ano Novo!

Natal há muito tempo perdeu o veio do seu real significado. Hoje o que vemos é um exagero no consumo, e o momento que deveria ser dedicado à reflexão e à união familiar é transformado em mera troca de presentes.

Fica muito difícil para os pais não caírem na armadilha, já que as crianças são empurradas a desejar os bons e grandes presentes no Natal. Sem contar aqueles incontáveis presentes de parentes e amigos que nem sempre são algo de que precisamos ou de nosso gosto. E, no caso das crianças, uma sucessão de brinquedos que eles simplesmente não dão conta de usar. Também pelo excesso, acabam não valorizando nenhum.

Deixamos então aqui uma sugestão que tem dado certo em nossa casa: fazemos uma "vaquinha" na família para a compra de um bom presente que será "o" presente do Papai Noel. Ano retrasado foi uma bicicleta, ano passado, um videogame, e eles nem perguntam por mais presentes. É muito mais bacana do que ver aquele monte de presentes que as crianças nem curtem e que na vida cotidiana só ocupam espaço e acumulam poeira.

Quando temos que dar presentes para familiares e amigos, sempre escolhemos artigos educativos reciclados que sempre surpreendem, inspiram e dão bom exemplo. Na escola, caso as crianças participem de alguma atividade relacionada à troca de presentes, sempre devemos pensar coletivamente e não enviar presentes caros que incentivem o consumismo. Livros bacanas e quebra-cabeças são ótimas opções. A escola é um ambiente educacional de suma importância. Os bons exemplos ali são fundamentais. Por isso, escolha sempre presentes de um valor médio, sem ostentação.

Fazer diferente é possível e fundamental para um futuro melhor.

Ana Cláudia Bessa

Que neste Natal o amor e a esperança aqueçam seus corações e o Ano Novo traga grandes realizações e muita felicidade! Que não faltem a boa comida e os ricos presentes, mas que principalmente haja saúde, alegria e muitos bons sentimentos para compartilhar. Que cada um de vocês possa celebrar estas festas junto da família ou daqueles a quem mais ama. Feliz Natal e um próspero Ano Novo para todos vocês!

Desejo que você tenha um ótimo Natal, cheio de alegrias, harmonia e tudo que a nossa caixinha de sonhos nos faz acreditar.
Que esse Ano Novo que se aproxima seja uma porta aberta para novos sonhos, renovações de fé e muita paz para o nosso mundo.
Feliz Natal e próspero Ano Novo!

Cada um dos sete filhos trabalhou na loja de nosso pai, nossa própria loja de departamentos. No inicio fazíamos pequenos trabalhos como varrer o chão, arrumar as prateleiras e fazer embrulhos, e mais tarde, quando tínhamos experiência, atendíamos aos clientes. Trabalhando e prestando atenção, nós aprendemos que trabalhar era mais do que sobreviver e vender.
Uma lição ficou gravada em minha mente. Era próximo do natal. Eu estava na oitava série e trabalhava à noite, ajeitando a seção de brinquedos. Um pequeno garoto, com uns cinco ou seis anos, entrou. Ele vestia um desgastado e sujo casaco marrom.
O cabelo despenteado. O tênis rasgado e desamarrado. O garoto me pareceu muito pobre – demasiado pobre para ter dinheiro para comprar qualquer coisa. Olhou em torno da seção de brinquedos, pegava um brinquedo, olhava atentamente e devolvia com cuidado ao seu lugar.
Papai desceu as escadas e caminhou até o menino. Seus olhos azuis sorriam e a covinha no rosto sobressaía quando perguntou ao menino o que poderia fazer por ele. O menino disse que procurava um presente de natal para dar à seu irmão. Me impressionou como papai o tratou com o mesmo respeito com que tratava a todos os clientes. Papai lhe disse para ficar à vontade e procurar com calma.
Aproximadamente 20 minutos depois, o menino escolheu um brinquedo, foi até meu pai e perguntou, – Senhor, quanto custa este? – Quanto você tem? Meu pai perguntou. O menino enfiou a mão no bolso e retirou algumas moedas. – 27 centavos. O preço do brinquedo escolhido era R$ 3,98. – Mas que sorte! É exatamente o quanto custa! Meu pai lhe disse e fechou a venda.
A resposta de papai ainda soa em meus ouvidos. Eu pensava nisto enquanto embrulhava o presente. Quando o menino saía da loja, eu já não observava a roupa suja e desgastada, o cabelo despenteado, ou o tênis rasgado e desamarrado. O que eu via era uma criança radiante levando um tesouro.

Dê um clique duplo neste natal!
Arraste Jesus
Para seu diretório principal,
Salve-o em todos seus arquivos pessoais,
Selecione-o como seu documento mestre.

Que ele seja seu modelo
Para formatar sua vida:
Justifique-a e alinhe-a
À direita e à esquerda,
Sem quebras na sua caminhada.

Que Jesus não seja apenas
Um ícone, um acessório,
Uma ferramenta, um rodapé,
Um periférico,
Um arquivo temporário,
Mas o cabeçalho,
A letra capitular,
A barra de rolagem
De seu caminhar.

Que ele seja a fonte de energia
Para sua área de trabalho,
O Paintbrush
Para colorir seu sorriso,
A configuração de sua simpatia,
A nova janela para visualizar
O tamanho de seu amor.

No seu dia-a-dia, seja ele
O painel de controle
Para desfragmentar sua vida,
Fazer download de seus sonhos
E optimizar suas realizações.

Desative seu egoísmo,
Compacte suas liberdades,
Cancele seus recuos,
E delete seus erros.

Compartilhe seus recursos,
Acesse o coração de seus amigos.
E escaneie para eles
O que você tem de bom.

Não deixe à margem ninguém,
Abra as bordas de seu coração
E remova dele o vírus do desamor.

Antes de sair,
Coloque jesus nos seus favoritos
E seu natal será o atalho
Para sua felicidade!

Clique agora em ok
Para reiniciar e atualizar
Seus conteúdos!

Queremos armar uma árvore em nossos corações e colocar, no lugar de presentes, os nomes de nossos amigos...
os de longe e os de perto,
os antigos e os recentes,
os que vemos todos os dias e os que não,
os que recordamos e os que esquecemos,
os das horas difíceis e os das alegres,
os que sem querer ferimos e os que feriram,
os que conhecemos profundamente e os que superficialmente,
nossos amigos humildes e os importantes,
aqueles que nos ensinaram e os que aprenderam.
Queremos uma árvore de raízes profundas para que os nomes nunca sejam arrancados de nossos corações.
Uma árvore de folhas largas para que os nomes vindos possam se juntar aos existentes.
Uma árvore de sombra agradável para que nossa amizade seja um momento de repouso na luta pela vida.
Que o espírito do Natal faça de cada lágrima um sorriso, da amargura a sabedoria e de cada coração uma casa aberta para receber a todos.

FELIZ NATAL!

Estou muito feliz de estar com você nesta época mágica do ano. Você é tudo o que eu sempre quis de Natal! Com certeza teremos um Natal maravilhoso juntos. Te amo!

Quando o nosso filho Julinho tinha seis anos, estávamos atravessando um período de má situação financeira e só podíamos comprar o indispensável para viver. Alguns dias antes do Natal, dissemos a ele que não poderíamos comprar presentes nas lojas, para nenhum de nós.
Mas com imaginação e amor poderíamos brincar de presentear uns aos outros.
Assim, nós combinamos que cada um desenharia o presente que gostaríamos de dar aos outros da família. A ideia agradou e a partir desse dia começamos a trabalhar em segredo com muita alegria e sorrisos misteriosos.
Um carro verde para o papai. Uma pulseira e uns brincos para mim. Para o Julinho os presentes eram aqueles que recortávamos de algumas revistas. Os melhores presentes para ele foram um tenda de brincar de índio e uma piscina de plástico, desenhadas pelo papai.
O presente melhor do papai para mim foi a nossa casa dos sonhos, pintada à aquarela, branca, com janelas verdes e touceiras de flores no jardim. E o papai recebeu um punhado de versos meus, inspirados nas coisas tristes e acontecimentos alegres das nossas vidas.
Naturalmente não esperávamos nenhum "melhor presente" do Julinho. Mas, com gritinhos de alegria, ele entregou um desenho grande, feito por ele, com lápis de cor, dentro da mais pura "técnica surrealista". Era sem dúvida um grupo de três pessoas rindo: um homem, uma mulher e um menininho. Tinham seus braços entrelaçados uns nos outros de tal forma que pareciam uma só pessoa. Embaixo do desenho, ele escreveu apenas uma palavra: "Nós".
Foi, sem dúvida, um Natal de Amor.

Que neste Natal,
eu possa lembrar dos que vivem em guerra,
e fazer por eles uma prece de paz.

Que eu possa lembrar dos que odeiam,
e fazer por eles uma prece de amor.

Que eu possa perdoar a todos que me magoaram,
e fazer por eles uma prece de perdão.

Que eu lembre dos desesperados,
e faça por eles uma prece de esperança.

Que eu esqueça as tristezas do ano que termina,
e faça uma prece de alegria.

Que eu possa acreditar que o mundo ainda pode ser melhor,
e faça por ele uma prece de fé.

Obrigada Senhor
Por ter alimento,
quando tantos passam o ano com fome.

Por ter saúde,
quando tantos sofrem neste momento.

Por ter um lar,
quando tantos dormem nas ruas.

Por ser feliz,
quando tantos choram na solidão.

Por ter amor,
quantos tantos vivem no ódio.

Pela minha paz,
quando tantos vivem o horror da guerra.

Que você tenha um natal maravilhoso e um ano novo abençoado.
Boas festas para você.

Porque nos dias de hoje faz todo o sentido, porque os tempos e os hábitos mudaram, hoje eu quero desejar um Feliz Natal a todos os meus amigos do mundo virtual!

Tantas vezes nos sentamos em frente à nossa tela solitária e fria para encontrar calor e companhia do outro lado, e assim um coração que por vezes se sentia triste e desolado volta a sorrir e a sentir esperança.

Amigos virtuais são, por vezes, tão importantes e relevantes quanto os amigos presenciais, e principalmente são reais e ajudam quando tudo o resto parece falhar.

Então, a todos vocês que estão do outro lado desta tela eu desejo muito amor, paz e alegria. Que o melhor presente seja sentir um coração aquecido por muito carinho e amizade. Feliz Natal Virtual!

Espero que você tenha se comportado muito bem durante todo o ano, pois o Papai Noel esteve atento e agora que chega o momento de distribuir os presentes, apenas os bem-comportados vão receber muitos.

Mas eu sei que você se portou muito bem, pois é uma criança adorável e muito especial. Então não duvido que encontrará seu sapatinho cheio de presentes. Mas além dos presentes, espero que você jamais esqueça que Natal é tempo de festejar o nascimento do menino Jesus, que veio ao mundo para nos salvar e espalhar a Sua mensagem de amor e paz.

Feliz Natal!

Dino era um menino cuja família era extremamente pobre.
Nas festividades do Natal ele não ganhou nenhum presente, mas costumava olhar nas vitrines das lojas tudo aquilo que outros meninos de sua idade costumavam receber e isso lhe trazia grande excitação.
Logo no início do ano ele foi atropelado por um carro e levado a um hospital.
Uma das enfermeiras, levou-lhe alguns brinquedos para que ficasse um pouco mais alegre. Ao tocá-los, com grande regozijo ele exclamou: "Não existe nenhum vidro entre mim e os brinquedos!"
Muitas vezes não podemos tomar posse de tantas bênçãos que Deus tem nos oferecido porque ainda existe um vidro de separação entre nós e o Senhor.
Esse vidro pode ser motivado por rebeldia, desobediência, indiferença às coisas celestiais, etc. É o vidro do pecado.
Quando deixamos que nossos interesses pessoais, o desamor, a cobiça, a avareza e tantos outras atitudes pequenas tomem lugar em nosso coração, acabamos construindo um vidro que não permite que cheguemos à presença de Deus, mas ao abrir mão de tudo isso em favor do amor, da fé, da esperança e certeza de que apenas em Cristo podemos alcançar a verdadeira felicidade, então todos os vidros são quebrados e a nossa ligação com o Pai se torna real e verdadeira.

Se ainda existe um vidro separando você do Senhor Jesus, quebre-o agora e deixe o Senhor ocupar o lugar que lhe pertence!

Amigos, neste Natal eu poderia desejar os mais sinceros votos de felicidades, mas os parabéns devem ser dados para o aniversariante do dia, o menino Jesus, então meus amigos eu faço um convite, vamos todos nos unir em fé e oração para parabenizarmos o verdadeiro protagonista desta festa, na qual podemos nos reunir em presença ou em espírito para louvar aquele que nos ensinou o que é o amor, o que é a verdadeira amizade.

Luís Alves

Ho! Ho! Ho! Também vou trazer presentes, vou chegar em época natalina, mas não tenho barriga grande, barba branca ou roupa vermelha. Quem sou eu? Seu amigo, ou amiga, secreto!

Agora que você já sabe que não sou o Papai Noel ficou com certeza mais fácil de descobrir quem sou realmente, não é mesmo? Então por agora chega de pistas, a revelação chegará com o Natal e trará também muita alegria e surpresa!

Meu amor, já se passaram 25 anos, mas parece que foi ontem que subiste ao altar num maravilhoso vestido de noiva. Estavas linda. Lembra da nossa primeira noite? Da nossa primeira briga? Do nosso primeiro filho? Do nosso primeiro natal juntos? Bom, são muitas recordações, mas tenha a certeza de que eu nunca as esquecerei.
Minha linda estarei sempre próximo a ti, por mais 25 anos e por toda a eternidade.
Te amo sempre!

Como consideramos e estimamos nossos clientes como parte da nossa família, a vocês desejamos tudo o que há de melhor. Que este Natal seja de paz, amor e alegria e o Ano Novo seja melhor que este que acaba agora e venha carregado de prosperidade!

Que nas casas de todos vocês reinem a harmonia e a felicidade, e que no ano que vem possamos continuar a contar com sua preferência. Boas festas, estimados clientes!