Mensagens de Dor

É estranho, mas cheguei à conclusão de que há uma pequena dose de dor em tudo o que envolve o amor.
O amor dói em forma de saudade, quando sentimos a ausência de alguém, por distância ou mesmo morte.
O amor dói pela solidariedade, pois quando sabemos que o ser amado sofre, sofremos juntos. O amor dói fisicamente, pois trazer alguém ao mundo, como fizeram todas as mães, é um ato nobre, mas extremamente dolorido.
O amor traz a angústia da falta, mas nos recompensa pela eventual presença física e nos traz a felicidade de algumas certezas indizíveis e indescritíveis. afinal, sabemos quando somos amados.
Ele não precisa ser reafirmado durante as 24 horas do dia. Não precisa ser juramentado ou confirmado em cartório. Ele apenas existe, paira sobre as almas e os corações como se fosse um anjo de asas generosas e grandes. Se traz o medo da solidão, traz, por outro lado, a certeza da companhia.
Existem várias formas de amor: o fraternal, o romântico, o filial, o maternal ou paternal. Cada um se manifesta de forma diferente. Cada um traz angústias peculiares, mas todos eles guardam uma carga de emoção tão forte que não pode ser explicada por palavra qualquer, e muito menos ser medida por qualquer aparelho.
O amor dói, também, quando nos sentimos impossibilitados de ajudar, quando nos sentimos impotentes diante da dor do amado, diante do sofrimento do outro. Amor é sinônimo de sincero interesse pelo bem estar do próximo, é antônimo de desprezo.
Não há nada mais belo no mundo do que amar de forma franca, sem qualquer dissimulação. Assim, quero que saibas que sempre que penso em ti, os meus pensamentos são os mais puros e sinceros.
Penso em tudo o que possa te trazer conforto e prazer, em tudo o que possa te fazer mais feliz.
Jamais medirei esforços para dar-te tudo o que mereces. Tu és uma joia, algo raro, belíssimo e valioso, que eu quero guardar comigo, no meu coração, pelo resto da vida, mesmo que isso ainda me custe mais algumas inquietudes.
Eu, sinceramente, amo você. E farei qualquer coisa em nome deste sentimento.

Quando eu perdi o seu amor, achei que o mundo iria acabar, senti meus pés gelados, a boca seca, tontura e náuseas eram companheiras diárias. O que era cor e amor, ficou cinza e raiva.
No começo, senti muita raiva de mim mesmo, porque eu acreditava que havia feito algo de errado, e eu tinha que achar um erro, uma culpa, afinal, tudo acabou de repente...
Depois de muitos dias de angústia e dor, senti um profundo medo, medo de recomeçar, medo de nunca mais encontrar um verdadeiro amor. O que eu queria mesmo era você, era a nossa velha situação de volta, o conforto e o conformismo de nosso suposto amor, eu não acreditava em mais nada, e o pior de tudo, eu não acreditava mais na minha capacidade de ser feliz. Tranquei-me no meu quarto de "egoísmo e desilusão", acreditei que só a dor seria minha companhia daquele dia em diante, até que, não me lembro direito em que dia aconteceu um fato que me marcou muito, foi o dia em que eu me encarei no espelho e me surpreendi com olheiras, com o rosto amarelado, parecia doente.
Eu até então fugia do espelho, mas naquele dia eu tomei um susto muito grande ao perceber que eu estava doente, e finalmente percebi que você não valia a minha saúde, a minha vida e a minha paz.
Sai do quarto e comi com muito prazer tudo o que podia, depois de um banho caprichado de mais de uma hora, me arrumei como se fosse a uma festa, coloquei minha melhor roupa e sai para as ruas disposto a encontrar me com a alegria, em cada esquina revia os amigos e abraçava-os com muito carinho.
Não queria mais perder tempo com o "vazio" e procurei absorver o ar da tarde como se nunca houvesse respirado antes. Olhei para o céu e reconheci a beleza daquela tarde como se fosse a primeira tarde de minha vida. Quando senti que as lágrimas banharam meu rosto, agradeci a Deus a oportunidade de voltar enxergar. Hoje estou amando plenamente e agradeço a você por ter saído de minha vida sem me avisar, porque só quando eu te perdi é que me encontrei de verdade e pude conhecer o verdadeiro amor.

Certas pessoas precisam urgentemente realizar uma operação radical em suas vidas, e remover lembranças, dores, mágoas, orgulho ferido e até algumas pessoas do seu dia a dia. É uma limpeza radical em sentimentos e relacionamentos, que poderá finalmente, permitir que você viva plenamente.
Aproveite hoje e tire tudo que não te serve mais, de sua cabeça, de suas veias, do seu coração. Importe-se com você. Não, não é ser egoísta, é fundamental para a sua vida que você esteja bem. Já viu alguém dar algo que não tem? Quem dá, dá o que tem, ou o que julga ter Se você não está bem, não está feliz, vai passar o que para os outros?
Falsidade talvez, tristeza com certeza. E, pior ainda, vai magoar quem não te fez nada, por causa de suas irritações, de suas frustrações. Ninguém mais tem tempo para ouvir nossas dores, nossas ladainhas, nossas queixas.
Então resolva-se, aceite-se, conheça-se!
O negócio é olhar para o seu umbigo e resolver de uma vez por todas se você quer ficar na dor, ou quer mesmo ser feliz.
Quer ficar na dor? Continue pensando em quem te deixou, continue criando fantasias com pessoas que nem te prometeram nada, continue querendo mudar as pessoas
Continue falando sim quando quer dizer não. continue ouvindo aquelas músicas do passado que você sabe que só te fazem chorar. fique lamentando a morte de quem já passou faz tempo. continue acreditando que quem errou foi você. continue se comparando aos outros. continue acreditando que ser feliz é só para os outros. continue se julgando coitadinho.
Quer ser feliz? Ame-se, aceite-se e perdoe sempre!
Não aceite que te tratem mal, que te pisem, ou te humilhem. Seja humilde, mas nunca aceite a humilhação gratuita. Pare de querer mudar as pessoas e consolar quem não quer ser consolado. Mude tudo na sua vida Se não está dando certo porque insistir?
Tenha coragem de assumir-se, saia do armário das convenções, diga sim para a vida, mas diga com a certeza de que você, e somente você, pode agora mesmo determinar um novo rumo, uma nova estrada!