Mensagens de Deus

Que sentimento é esse que, a todos nós, atordoa e, ao mesmo tempo, tanto nos fascina?
Ele nos sufoca, maltrata, consome e nos deixa inebriados e felizes; através dele vislumbramos o tão sonhado paraíso. Gostaríamos que ele fosse permanente.
Ele caminha ágil pelo mundo, projetando por onde passa, momentos de extrema beleza e rara felicidade.
Faz com que as nossas almas sofram de tanto zelo e preocupação. Impulsiona-nos para os maiores sacrifícios e perigos e, a tudo enfrentamos, com um sorriso nos lábios.
Não tem cor e nem forma, mas faz tremer e palpitar os corações, tanto de homens, quanto de mulheres, sejam eles: cientistas, políticos, artistas, filósofos, ricos ou pobres.
Através dele, superamos todos os obstáculos, nos sentimos renovados para a vida e sem medo da iminente morte.
Buscamos encontrá-lo sempre, em todos os nossos dias, embora algumas vezes, ele nos escape furtivamente...
Às vezes, ele é confundido com as loucuras da paixão, da posse, dos desejos carnais.
Puro engano.Sua essência é única, ele paira sobre águas serenas e tempestuosas, mantendo o equilíbrio entre a emoção e a razão.
A paixão escraviza; amor liberta.A paixão nasce do egoísmo; o amor nasce da alma.Uma é pura chama ardente que corrói o corpo. O outro, ternura e abnegação, que eleva os sentidos e engrandece a alma.
Percorre um longo caminho até atingir o coração e, quando ali se instala, temos a sensação de estarmos desfrutando do imenso céu.Não importa que moremos num palácio suntuoso ou numa humilde tapera.
Tão grandioso sentimento é: o amor. O amor pela vida, por ti mesmo, pela pessoa amada; pelos filhos; pelos teus semelhantes e dessemelhantes; pela Natureza e principalmente por Deus.
AMOR
Deus nos deu a vida.
Os anjos nos deram o amor.
É simplesmente maravilhoso.
a grande dádiva ofertada pelos nossos anjos...

O Senhor está perto de todos os que o invocam, de todos os que o invocam, com sinceridade. Sl. 145.18
Cada vez é mais difícil ouvir dos outros palavras confortadoras. Ouvimos falar de problemas financeiros, doenças e coisas imorais. Muitas conversas são cansativas e sem sentido. Parece que não é possível encontrar uma companhia agradável, alguém que possamos chamar de amigo e a quem confiar nossas dúvidas e tristezas.
Essa busca tem tornado as pessoas ávidas por informação. Nunca tivemos tanto acesso a notícias e a pessoas como hoje. A cada segundo podemos ver na internet o que está acontecendo no mundo. Por meio de sites as pessoas têm se mostrado on-line 24 horas por dia. Programas do tipo Reality Show têm se multiplicado. Mas, mesmo com tantas informações sobre pessoas, são poucas as que poderíamos chamar de amigas, poucas as que poderiam nos ensinar alguma coisa útil. Agora, não podemos esquecer de olhar para Deus nesta busca por palavras de conforto e amizade. Ele é o único que tem palavras preciosas e completas para o nosso coração. Por meio da Bíblia podemos conhecer seus ensinos e pela fé ser confortados com a sua presença.
Precisamos ouvir as palavras que Jesus disse à seus discípulos. São palavras que servem para nós hoje. Uma vez Jesus disse a Felipe: Siga-me. Uma palavra que manifesta a forma intima que Jesus tem com as pessoas. Ele não dá uma tarefa para Felipe cumprir ou uma ideia para ele refletir, mas uma pessoa a quem obedecer. A grande palavra de Jesus a nós é "siga-me". Em um undo sem direção, somos chamados a olhar para Jesus e segui-lo.
Jesus, quando estava para partir deste mundo, disse que o Pai daria outro conselheiro para estar conosco para sempre. Se temos a sensação de solidão e desamparo, é porque nos esquecemos da presença real de Jesus por meio do Espírito Santo. Jesus disse que não somos órfãos, ele não nos deixou só, ele está conosco e por isso podemos segui-lo sempre de perto.

A amizade de Deus é demonstrada em sua proximidade.

Tirado do nosso Pão Diário.