Mensagens de Sabedoria

Bom final de semana!

Queria descobrir
Em 24hs tudo que você adora
Tudo que te faz sorrir
E num fim de semana
Tudo que você mais ama
E no prazo de um mês
Tudo que você já fez
É tanta coisa que eu não sei
Não sei se eu saberia
Chegar até o final do dia sem você

E até saber de cor
No fim desse semestre
O que mais te apetece
O que te cai melhor
Enfim eu saberia
365 noites bastariam
Pra me explicar por que
Como isso foi acontecer
Não sei se eu saberia
Chegar até o final do dia sem você

Por que em tão pouco tempo
Faz tanto tempo que eu te queria

Zélia Duncan

Muitas vezes relutamos para trabalhar em equipe, achando que é mais fácil trabalhar sozinho e ao acrescentar mais uma pessoa, pode acabar até incomodando seu processo criativo. Se você enxergar o trabalho em equipe desta forma, certamente será bem mais difícil adquirir novos conhecimentos, pois a troca de experiências interpessoais é uma ótima forma de renovar seu repertório.

Para trabalhar bem em conjunto é preciso ter uma mente aberta para ouvir vários tipos de opiniões e uma boa fundamentação teórica para defender suas ideias e apreciações. Por mais que seu companheiro não tenha tanto conhecimento na sua área, neste caso, as experiências de vida podem sugerir que olhe seus conceitos por outro lado, e isto é importantíssimo para o crescimento profissional.

Se um dia surgir uma oportunidade de trabalhar em equipe, não fuja, deixe o orgulho em casa e aproveite todas as possibilidades de aprendizado. O relacionamento com diferentes opiniões amplia nossos horizontes e nos retira da completa escuridão.

Eu não tenho medo de voar. Eu tenho medo de estar fechada num lugar e de ter escolhido estar fechada nesse lugar. Tenho medo porque meus pés sentem o chão mas ele é falso. Meus pés sempre me obrigam a sentir a verdade e eu sou obrigada a dizer a eles que aquele chão não dura e nem é de terra. Tenho medo do absurdo que é sorrir e dizer "guaraná normal e sem gelo, grata" enquanto se quer dizer "que merda é essa de estar voando se não sou a porra dum passarinho?". Tenho medo porque quando acabar estarei em outro lugar. Agora, se eu pudesse escolher o maior de todos os medos, eu diria "a chance disso cair agora é muito pequena". Estou sobrevoando, sem inteligência, a água profunda que aprendi a chamar de casa mas também de intervalo. A verdadeira angústia de voar é estar acima da nossa vida. Voar é tornar nossa rotina banal. Estou voando há dias, de primeira classe, com vista para o desenho de um país que não sei o nome. Ao lado de uma pessoa que, até que enfim, não é mais uma barrinha de cereal.

Tati Bernardi

Mariana, minha menina,
sei que és inteligente
e existem algumas coisas
enchendo a cabeça da gente!
Vou perguntar-te, menina,
e agora me responde:
As estrelas como brilham,
toda noite sem parar?
Onde se esconde o sol
depois de tudo iluminar?
Quando a gente vai dormir,
quem faz a gente sonhar?
A lua por que é redondinha e,
depois bem pequenininha,
parecendo uma unha do dedão
do nosso pé?
Quem fica por trás segurando
as nuvens pra não caírem
ou não andarem de ré?
E o céu, por que azul
e não verde ou cor-de-rosa?
Quem fez para a girafa
um pescoço tão comprido?
E na tromba do elefante,
não falta um colorido?
A dona porco-espinho como se arranja
quando arranja um namoradinho?
Onde mora o sabiá
que vive sempre a cantar?
Quem foi que o tucano pintou
e um bico tão amarelo deixou?
Sei que podes descobrir
muita coisa interessante
e ainda responder-me
tudo isso num instante!

Há homens que, nas suas conversas, mais desejam dominar pela habilidade de sustentar todos os argumentos do que pelo juízo, discernindo o que é verdadeiro do que o não é; como se houvesse mérito em saber o que pode ser dito e não o que deveria ser pensado. Alguns têm certos lugares comuns e temas particulares em que brilham, mas falta-lhes variedade; espécie de pobreza que é geralmente aborrecida e, quando descoberta, ridícula. A parte mais honrosa da conversa consiste em propor novo assunto, e, a seguir, consiste em moderá-lo para que se transite para outro, como quem dirige o baile. É bom no decurso ou nas alterações da conversa, variar e mesclar com tópicos gerais o assunto principal; com discussões e narrativas; com referência a opiniões as respostas e perguntas; com o jocoso e o sério; porque é insensato cansar, ou, como agora se diz, esgotar o assunto na conversa.

Francis Bacon

O Dia do Bibliotecário é comemorado em 12 de março em homenagem à data do nascimento do bibliotecário, escritor e poeta Manuel Bastos Tigre. O Decreto 84.631, de 09
04
1980, foi assinado pelo então presidente da República João Figueiredo.

Manuel Bastos Tigre nasceu no dia 12 de março de 1882. Em 1906, depois de finalizar seu curso de Engenharia, foi fazer um aperfeiçoamento em eletricidade, nos Estados Unidos. Lá, conheceu o bibliotecário Melvil Dewey, que o deixou interessado pela profissão. Aos 33 anos, Manuel foi trabalhar com biblioteconomia. Ficou em primeiro lugar no concurso para bibliotecário do Museu Nacional do Rio de Janeiro. Entre 1945 e 1947, trabalhou na Biblioteca Nacional e depois assumiu a direção da Biblioteca Central da Universidade do Brasil.

Mandar é respirar, não é desta opinião? E até os mais deserdados chegam a respirar. O último na escala social tem ainda o cônjuge ou o filho. Se é celibatário, um cão. O essencial, em resumo, é uma pessoa poder se zangar sem que outrem tenha o direito de responder. "Ao pai não se responde", conhece a fórmula? Em certo sentido, ela é singular. A quem se responderia neste mundo senão a quem se ama? Por outro lado, ela é convincente. É preciso que alguém tenha a última palavra. Senão, a toda a razão pode se opor outra: nunca mais se acabava. A força, pelo contrário, resolve tudo. Levou tempo, mas conseguimos compreender isso. Por exemplo, deve ter notado, a nossa velha Europa filosofa, enfim, da melhor maneira. Já não dizemos, como nos tempos ingênuos: "Eu penso assim. Quais são as suas objeções?" Nos tornamos lúcidos. Substituímos o diálogo pelo comunicado.

Albert Camus

Eu vi!
Uma lágrima correndo
Pela face de algum solitário
Eu vi essa lágrima mais de mil vezes
Correndo por milhões de rostos
E essas pessoas sentavam-se umas contra as outras
Não atreviam simultaneamente olhar-se
Cara a cara
Olhos nos olhos
Ficavam bisbilhotando-se
Suspirando uma emoção contida
Que negavam assumir
E praguejavam interiormente uns aos outros
Reclamando da frieza de seus semelhantes,
E circulavam paralelos
Conhecendo-se apenas por um rastro no chão
Eu vi!
Juro que vi!
Mas não tive forças para contar
Ao cara de dock sider o que
Eu havia visto.

Se você conhece o inimigo e conhece a si mesmo, não precisa temer o resultado de cem batalhas.

Se você se conhece mas não conhece o inimigo, para cada vitória obtida sofrerá também uma derrota.

Se você não conhece nem o inimigo nem a si mesmo, perderá todas as batalhas.

Sun Tzu

Quero que as pessoas se formem e sejam realmente capazes de fazer as coisas. Eu não quero um monte de teóricos. Eu quero ter uma escola que desenvolve pessoas que conhecem todos os fatos da cinematografia, eu quero que eles sejam capazes de fazer qualquer coisa necessária para fazer um filme: fotografá-lo, dirigi-lo, projetá-lo, animá-lo, gravá-lo, qualquer que seja. Isso é o que eu quero. Caramba, eu já contratei teóricos, e eles não têm qualquer conhecimento que eu possa usar. Eu quero que todos saiam daquela escola capazes de entrar e fazer um trabalho. Estes diletantes que saem com pseudo-conhecimento, eles me dão uma dor. Eu quero isso: se precisam de um ator, eles podem obter um ator que veio da escola. Se um músico for necessário, eles podem ir para o departamento de música e encontrar músicos que podem compor uma música.

Walt Disney

Quando a tristeza vier ao seu encontro, deixe sair dos olhos uma lágrima, da boca um sorriso e do coração uma prece, pois não são covardes os que choram por amor, mas sim aqueles que não amam por medo de chorar.

Não podemos sarar nem construir se esse curar e construir forem entendidos como um processo unívoco, com as vítimas das injustiças do passado perdoando e os beneficiários em um mero contentamento de gratidão. Juntos, temos que estar dispostos para corrigir os defeitos do passado.
(...)

A honra pertence aos que não renunciam à verdade nem quando as coisas parecem negras e terríveis, aos que tentam repetidamente, que nunca desanimam com os insultos, com a humilhação e até com a derrota.
(...)

É um grave erro para qualquer líder ser demasiado sensível face à crítica, conduzir discussões como se ele ou ela fosse um mestre falando com alunos menos informados ou inexperientes.

Nelson Mandela

Com o simples objetivo de contar histórias, o livro certamente pode ser considerado uma das invenções mais versáteis desse mundo. Parado em qualquer lugar, pode nos fazer viajar apenas utilizando a leitura, agarra nossa imaginação e a utiliza ao máximo, nos transportando para o cenário vivido pelos personagens.

Com o livro podemos fazer parte de outras vidas, perceber novas emoções nunca foi sentida, conhecer histórias de pessoas inspiradoras, e também nos dá a possibilidade de conhecer um mundo de fantasias que nunca fará parte da realidade.

A cada leitura adicionamos à mente um pouco mais de conhecimento, informações sobre um novo mundo, novas palavras, descobertas interessantes sobre nossos antepassados, como tudo isso pode ser chamado de chato?

Os que não valorizam a leitura vivem em um mundo fechado, sem graça, limitado, restringido até onde a vista alcança. Alheios a grande oportunidade de ampliar sua cultura, se tornar um ser mais pensante, com a capacidade de poder ser transportado para qualquer lugar.

A leitura deve ser um hábito, mas apenas para aqueles que pretendem ter na mente uma grande bagagem, lotada de boas histórias prontas para serem divididas com qualquer pessoa que passe.

Era uma vez, num reino distante, um jovem que entrou numa floresta e disse ao seu mestre espiritual: Quero possuir riqueza ilimitada para poder ajudar o mundo. Por favor, conte-me, qual é o segredo para se gerar abundância?

O mestre espiritual respondeu: Existem duas deusas que moram no coração dos seres humanos. Todos são profundamente apaixonados por essas entidades supremas. Mas elas estão envoltas num segredo que precisa ser revelado, e eu lhe contarei qual é. Com um sorriso, ele prosseguiu:

Embora você ame as duas deusas, deve dedicar maior atenção a uma delas, a deusa do Conhecimento, cujo nome é Sarasvati. Persiga-a, ame-a, dedique-se a ela. A outra deusa, chamada Lakshmi, é a da Riqueza. Quando você dá mais atenção a Sarasvati, Lakshmi, extremamente enciumada, faz de tudo para receber o seu afeto. Assim, quanto mais você busca a deusa do Conhecimento, mais a deusa da Riqueza quer se entregar a você. Ela o seguirá para onde for e jamais o abandonará. E a riqueza que você deseja será sua para sempre.

Existe poder no conhecimento, no desejo e no espírito. E esse poder que habita em você é a chave para a criação da prosperidade.

Dia do Carteiro

Ele, o nosso amigo carteiro,
esperado por todo o povo brasileiro,
faça chuva, faça sol, o elo de ligação
entre usuário e empresa, a pessoa
querida e respeitada pela população.
Através de sua dedicação e
responsabilidade, tem como
seu, o dia 25 de janeiro.

A história dos Correios do Brasil
apresenta uma rica variedade de
tipos que, de um modo ou de outro,
se relacionam com o carteiro.
O tropeiro foi o primeiro entregador
de correspondências que
o Brasil conheceu.

Tivemos ainda o estafeta e o
carregador de mala postal.
O inspetor de Serviço Postal,
no final do período imperial, e o
carteiro no início deste século.

Todos marcaram os diferentes
períodos da história postal no país.
Cada um foi o reflexo do seu tempo
e hoje se constitui num elemento
marcante da própria cultura nacional.

Por isso, os Correios se orgulham em
reservar este dia para homenagear
seu maior símbolo: o "Carteiro".

Silvana Guimarães Mattos

Uma homenagem merecida
a todos os Carteiros do Brasil!

O colunista Sydney Harris conta uma história em que acompanhava um amigo à banca de jornal. O amigo cumprimentou o jornaleiro amavelmente, mas como retorno recebeu um tratamento rude e grosseiro. Pegando o jornal que foi atirado em sua direção, o amigo de Harris sorriu polidamente e desejou um bom fim de semana ao jornaleiro. Quando os dois amigos desceram pela rua, o colunista perguntou:

- Ele sempre te trata com tanta grosseria?

- Sim, infelizmente é sempre assim.

- E você é sempre tão polido e amigável com ele?

- Sim, sou.

- Por que você é tão educado, já que ele é tão inamistoso com você?

- Porque não quero que ele decida como eu devo agir.

A implicação desse diálogo é que a pessoa inteira é seu próprio dono, que não deve se curvar diante de qualquer vento que sopra. Não é o ambiente que a transforma, mas ela que transforma o ambiente. A pessoa inteira é um Ator e não um Reator.

Jamais considere seus estudos como uma obrigação, mas como uma oportunidade invejável para aprender a conhecer a influência libertadora da beleza do reino do espírito, para seu próprio prazer pessoal e para proveito da comunidade à qual seu futuro trabalho pertencer.

Albert Einstein

Sonhar
Mais um sonho impossível
Lutar
Quando é fácil ceder
Vencer o inimigo invencível
Negar quando a regra é vender
Sofrer a tortura implacável
Romper a incabível prisão
Voar num limite improvável
Tocar o inacessível chão
É minha lei, é minha questão
Virar esse mundo
Cravar esse chão
Não me importa saber
Se é terrível demais
Quantas guerras terei que vencer
Por um pouco de paz
E amanhã, se esse chão que eu beijei
For meu leito e perdão
Vou saber que valeu delirar
E morrer de paixão
E assim, seja lá como for
Vai ter fim a infinita aflição
E o mundo vai ver uma flor
Brotar do impossível chão

Chico Buarque

Numa manhã, na mesma escola que o Smilinguido frequentava, o mestre Formisã dá início a mais um dia para aprender coisas novas.
A classe estava cheia, porém um estava faltando: o Forfo.
Mestre Formisã deu inicio a sua aula pensando por que será que o Forfo tem se atrasado tanto ultimamente. No meio da manhã o Forfo chega.
- Oi turma! - cumprimenta o Forfo.
- Olá Forfo! O que aconteceu para você se atrasar novamente?
- Ehh... Na verdade tem sido difícil levantar. Está frio, e minha cama é tão quentinha e tão gostosa que é difícil sair dela - respondeu timidamente.
- Forfo, nós todos entendemos você, tem feito muito frio ultimamente. Porém não podemos deixar de lado nossas obrigações. Isso se chama preguiça. Explica o mestre.
E a Faniquita logo diz:
- É Forfo, o Senhor criador não gosta dos preguiçosos.
Mestre Formisã corrige:
- Não é que Ele não gosta de preguiçosos. Ele não gosta da preguiça! Por causa da preguiça deixamos de fazer coisas importantes, perdemos oportunidades.
Forfo concorda com o mestre:
- Está certo, não sabia que a preguiça faz tudo isso! Vou tentar dormir mais cedo para não me atrasar, mesmo com esse friozinho.

Na bíblia está escrito que quem é preguiçoso e dorminhoco acabará passando fome.

Bíblia

É preciso reencantar nossa prática cotidiana
É urgente humanizar-se, agradecer
Depende de nós tornar isso possível
Sejamos semeadores
Não apenas de palavras
Mas de afetos
Onde houver inquietação
Haverá transformação
Permita-se sonhar, conquistar
e acreditar naquilo que faz
Este é o milagre da multiplicação do saber
E do vir à ser.

Para aqueles que fogem de qualquer forma organizada de viver, ou que acham que sua bagunça é devidamente organizada, o planejamento certamente passa longe de ser utilizado. Com o dia cada vez mais cheio de tarefas e atividades, a busca pela rotina através do planejamento não deveria ser assim tão dispensado.

Certamente para ter um com resultado, o erro e a falta de tempo devem ser completamente descartados. Iniciar uma atividade com o tempo reduzido pela falta de organização poderá atrapalhar os pensamentos, escapando as melhores ideias e assim provavelmente não levando ao sucesso.

Para alcançar o objetivo, qualquer que seja, primeiro de tudo é preciso ter a certeza de todo o processo necessário para chegar até ele. Imprevistos sempre existirão, mas conhecer pelo menos o caminho até o melhor resultado é o mínimo para conseguir alcançá-lo. Como seria chegar ao destino com os olhos completamente fechados? Pense nisso e certamente obter o sucesso ficará pelo menos um pouco mais fácil.

Queria te agradecer
Por você ter gostado de mim
Do jeito que sou...
Por ter me aceitado
Com meus defeitos
E por saber também
Elogiar minhas virtudes.
Por me ensinar
Que a cada dia
Podemos recomeçar
Por me fazer sentir
Um alguém diferente
E por eu saber
Que sempre contigo
Poderei contar.