Mensagens de Reflexão

Os tempos mudaram e as mulheres conquistaram mais espaço no mundo. Mas isso não significa que ser mulher se tornou mais fácil. Muitas vezes, ter mais opções ou acumular papéis torna a vida mais complicada. A mulher de 30 anos de hoje, a famosa balzaquiana, é muito diferente da mulher de 30 anos de algumas décadas atrás.

Apesar de muitas mulheres ainda projetarem sua felicidade no casamento e construção de uma família, esses planos ficaram para mais tarde. As mulheres descobriram que podem aproveitar a vida sozinhas ou muito bem acompanhadas, antes de subirem ao altar.

Fazer uma faculdade, começar uma carreira, fazer uma viagem ao exterior com as amigas, comprar o primeiro carro, fazer uma pós-graduação, financiar um imóvel, se apaixonar pelo homem errado, morrer de amores e continuar viva... Tudo isso são conquistas femininas!

Nos dias de hoje, tudo isso pode parecer bobagem, mas para as nossas avós e mães balzaquianas, isso era transgressor. Mas foi graças às gerações passadas que conquistamos o direito de ir e vir, de sermos livres para errar, errar até um dia acertar. E viva as conquistas femininas!

Sou doce, dengosa, polida...
Fiel como um cão, sou capaz de te dar minha vida.
Mas olha não pise na bola, se pular a cerca eu explodo, comigo não rola.
Sou de me entregar de corpo e alma a uma paixão, mas não tente nunca enganar me coração, amor pra mim só vale assim sem precisar pedir perdão...
Adoro tua mão atrevida, seu toque seu simples olhar já me deixa despida.
Mas olha que eu não sou boba, por trás desta pele de cabra eu escondo uma loba.
Quando estou amando sou mulher de um homem só, desço do meu salto faço o que lhe dá prazer, mas ó meu rei a minha lei você tem que saber...
Sou mulher de te deixar se você me trair, e de encontrar um novo amor só pra me distrair. Me balança mas não me destrói, por que chumbo trocado não dói, eu não como na mão de quem brinca com a minha emoção.
Sou mulher capaz de tudo para ver feliz, mas também sou de cortar o mal pela raiz. Não divido você com ninguém, não nasci para viver em um harém.
Não me deixa saber que será bem melhor para você, me esquecer.

Era uma vez, um cientista que vivia preocupado com os problemas do mundo e decidido a encontrar meios de melhorá-los. Passava dias e dias no seu laboratório à procura de respostas.

Um dia, o seu filho de sete anos invadiu o seu santuário querendo ajudar o pai. Claro que o cientista não queria ser interrompido e, por isso, tentou que o filho fosse brincar em vez de ficar ali, atrapalhando-o. Mas, como o menino era persistente, o pai teve de arranjar uma maneira de entretê-lo no laboratório. Foi, então, que reparou num mapa do mundo que estava na página de uma revista. Lembrou-se de cortar o mapa em vários pedaços e depois apresentou o desafio ao filho:

- Filho, você vai me ajudar a consertar o mundo! Aqui está o mundo todo partido. E você vai arrumá-lo para que ele fique bem outra vez! Quando você terminar, me chame, ok?

O cientista estava convencido que a criança levaria dias para resolver o quebra-cabeças que ele tinha construído. Mas surpreendentemente, poucas horas depois, o filho já chamava por ele:

- Pai, pai, já fiz tudo. Consegui consertar o mundo!

O pai não queria acreditar, achava que era impossível um miúdo daquela idade ter conseguido montar o quebra-cabeças de uma imagem que ele nunca tinha visto antes. Por isso, apenas levantou os olhos dos seus cálculos para ver o trabalho do filho que, pensava ele, não era mais do que um disparate digno de uma criança daquela idade. Porém, quando viu o mapa completamente montado, sem nenhum erro, perguntou ao filho como é que ele tinha conseguido sem nunca ter visto um mapa do mundo anteriormente.

- Pai, eu não sabia como era o mundo, mas quando você tirou o papel da revista para recortar, eu vi que, do outro lado da página, havia a figura de um homem. Quando você me deu o mundo para eu consertar, eu tentei mas não consegui. Foi aí que me lembrei do homem; virei os pedaços de papel ao contrário e comecei a consertar o homem que eu sabia como era. Quando consegui consertar o homem, virei a folha e vi que tinha consertado o mundo...

Mulher não mente, e sim omite os fatos. Mulher não fofoca, mas sim troca informações. Mulher não trai, se vinga. Mulher não fica bêbada, entra em estado de alegria.

Mulher nunca xinga, apenas é sincera. Mulher não grita, apenas testa as cordas vocais. Mulher nunca chora, lava as pupilas dos olhos com frequência.

Mulher nunca olha para um homem sarado com segundas intenções, apenas verifica suas formas anatômicas. Mulher sempre entende o que homem diz, só pede que explique novamente para testar sua capacidade de raciocínio.

Mulher não sente preguiça, descansa a beleza. Mulher nunca sofre por amor, e sim entra em contradição com os sentimentos. Mulher nunca engana os homens, apenas pratica o que aprendeu com eles.

é preciso não pensar na idade
mas vive-la;
Saber ser feliz
é preciso antes de tudo
encontrar a paciência
suprir a necessidade da mente
em busca do dia-a-dia
na consciência de entender
que um dia você pode lutar para vencer
mesmo que antes já tivesse sido derrotado
mas sem nunca perder as esperanças.
Porque o comodismo é a injustiça da liberdade
que provoca o transtorno do pecado
e o desamor a condição de caminhar pela paz.
E a vida é todo espaço de tempo
que temos para pensar
no momento em que estamos consciente
do que fazemos em benefício do amanhã.

Podemos passar inúmeras dificuldades, e ter de batalhar muito para alcançar certos objetivos e, ainda assim, morrermos na praia.
Podemos deixarmo-nos consumir pelo trabalho, e perder noites de sono ou deixar de passar finais de semana com a família apenas porque temos extrema necessidade de conseguir recursos para mantermos uma vida digna, ou amargarmos um período obscuro de desemprego.
Podemos assistir a injustiça bater à nossa porta e perceber, infelizmente, que em algumas ocasiões não há absolutamente nada a fazer.
Podemos chorar com o coração partido a perda da pessoa amada ou de um ente querido.
Podemos, por tanta coisa negativa que aconteça, julgar que tudo sempre dá errado conosco e maldizer nossa sorte.
Depois de tudo isto até podemos deixar passar pela cabeça a estúpida ideia de fazer uma grande besteira consigo mesmo, desde que seja exatamente assim: que tal ideia passe – e nunca mais volte, por que a Vida é Superação!
Nós não nascemos andando, não nascemos falando, nem pensando tanta bobagem - e o que não podemos em hipótese alguma é perder o ânimo, o espírito, e nossa capacidade de amar, de se superar e de viver!

Augusto Branco

Não é preciso estar no pico da montanha para se sentir o ar puro da manhã. Ela está presente na ponta da janela que se abre para um novo dia toda vez que o coração transpira pela ansiedade.
Na sinfonia infinita da vida.
Não é o mesmo que eu quero.
Quero apenas sentir que a uma razão para viver quando se acorda a cada manhã.
Ame a vida, pois na vida a alguém que ama você.

Uma mulher regava o jardim de sua casa e viu três velhos à sua frente. Não os conhecia e disse:
- Não creio conhecê-los, mas devem ter fome. Por favor, entrem em minha casa e comam algo.
Eles perguntaram:
- O homem da casa está?
- Não, respondeu ela.
- Então, não podemos entrar.
Ao entardecer, quando o marido chegou, ela contou o sucedido.
- Ora, diga-lhes para que entrem!
A mulher saiu e convidou os três.
- Não podemos entrar os três juntos, explicaram os velhinhos.
- Por quê?
Um dos homens apontou um dos companheiros e explicou:
- Seu nome é riqueza.
Logo indicou o outro:
- Seu nome é êxito e eu me chamo amor.
Agora, entre e decida com seu marido qual dos três será convidado.
A mulher entrou e contou ao marido sobre o que ouvira.
O homem ficou feliz:
- Que bom! E já que o assunto é assim, convidemos a riqueza! Que entre e encha nossa casa.
A mulher não concordou:
- Querido, por que não convidamos êxito?
A filha que estava escutando veio correndo:
- Não seria melhor convidar amor? Nossa casa ficaria, então, feliz...
- Sigamos o conselho de nossa filha, disse o marido à sua mulher. Vá lá fora e convide o amor a ser nosso hóspede.
A mulher saiu e perguntou:
- Qual de vocês é amor? Por favor, venha. Você é nosso convidado.
O amor avançou para dentro da casa e os outros dois o seguiram.
Surpreendida, a mulher perguntou:
- Convidei amor, por que o seguem? Também vão entrar?
Os velhos responderam juntos:
- Se tivesse convidado a riqueza, ou o êxito, os outros dois ficariam de fora. Mas, como o amor foi convidado, onde ele vai nós o seguimos.

Tem gente que só fica feliz na sexta-feira, porque passa a semana inteira esperando pelo sábado e domingo. Ora, uma semana tem sete dias, e uma boa semana é feita de sete bons dias, não de dois. Não economize nos dias de felicidade!

Cada dia, nos traz uma chance para ser feliz, cada dia é uma nova oportunidade de recomeçar. Triste são as pessoas que guardam a felicidade para o fim de semana. Estas pessoas estão perdendo dias e dias da suas vidas.

Por que esperar pela sexta-feira para ser feliz? Os dias da alegria não estão marcados no calendário, você pode fazer de cada dia um dia especial, com motivação e entusiasmo.

Tente encontrar alegria e beleza em todos os dias da semana. Cultive tempo de lazer e descontração no dia a dia. E na pobre segunda-feira, tão detestada, encontre disposição para fazer com que as horas sejam produtivas. Não há nada melhor do que a sensação de dever bem cumprido!

Pense também que ter sempre uma boa semana vale muito mais do que viver apenas de bons fins de semana. Uma boa semana deve começar na segunda e terminar no domingo, para então começar tudo outra vez.

Às vezes perdemos as pessoas que amamos e pensamos em estar sós, ficamos com raiva da vida e passamos a olhar o mundo como um buraco fundo e escuro no qual vivemos. E quando menos esperamos descobrimos que esse buraco é ainda mais fundo e escuro. Nos decepcionamos muito com a vida, e pensamos que ela já não vale mais a pena, e de repente descobrimos que o mundo é mais triste e mais sombrio do que imaginávamos.

Nos fechamos, nos calamos, nos escondemos, fechamos os nossos olhos à espera de um milagre, que nem sempre acontece. Só que um belo dia descobrimos que há sim um jeito de iluminar o tão terrível buraco. É uma coisa bem simples, ao alcance de nossas mãos, que ilumina a todos que estão por perto, um simples sorriso, o primeiro passo para a felicidade.

Só que mais tarde descobrimos que não adianta sorrir somente, mas o mais importante é olhar para o buraco escuro e sorrir estendendo a mão para que muitos a segurem; é aprendam a sorrir. Somente assim podemos, com um belo sorriso, transformar esse buraco em um belo paraíso, que no fundo está ao alcance de todos, dentro de cada um de nós, e é preciso somente um empurrãozinho para que a nossa luz ilumine o nosso buraco que ainda é fundo, mas não é mais sombrio.

Os anos vão passando e a mala de nossa vida vai aumentando porque existem muitas cargas que recolhemos pelo caminho e não queremos abandoná-las. Às vezes chega num determinado ponto que começa a ficar insuportável carregarmos tantas coisas, a mala está pesando demais.

Podemos sim aliviar o peso, esvaziar a mala. Mas, o que tirar? Vamos inicialmente abrir a mala e tentar então colocar tudo para fora e ver o que tem dentro. À primeira vista, encontramos a fé, o amor e o perdão. Que bom, tem bastante e não pesa nada. Mas, por que esta angústia, este mal estar em muitos momentos?

Mas, vejam, também tem algo pesado, os nossos pecados não confessados e não perdoados. E como é difícil tirar estes pecados até certo ponto escondidos, e como eles pesam. Aí começa a aparecer mais coisas, a raiva, a incompreensão, o medo, o pessimismo, a inveja, a soberba, a ganância, a vaidade...

Nesse momento, o desânimo nos puxa pra dentro da mala. Mas o enviamos para fora com toda a força, e no fundo da mala aparece então aquele sorriso escondido, que estava sufocado no fundo da sua bagagem. Aí colocamos as mãos dentro da mala de novo e mandamos embora a tristeza.

Tiremos a preocupação também. Entreguemos tudo nas mãos do Salvador Jesus.

Bem, a bagagem está pronta para ser arrumada de novo. Tenhamos paciência e pensemos bem o que vamos colocar dentro. Não deixemos de revisar a mala a cada dia e que não nos falte a fé, a esperança e o amor.

Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas.
"Se alguém ama uma flor a qual só existe um exemplar em milhões e milhões de estrelas, isso basta para que seja feliz quando a contempla. Ele pensa: "Minha flor está lá, nalgum lugar..."
"É bem mais difícil julgar a si mesmo que julgar os outros. Se consegues julgar-te bem, és um verdadeiro sábio."
"... Se tu me cativas, minha vida será como cheia de sol. Conhecerei um barulho de passos que será diferente dos outros. Os outros passos me fazem entrar debaixo da terra. O teu me chamará para fora da toca, como se fosse música."
"A gente só conhece bem as coisas que cativou. Os homens não tem mais tempo de conhecer coisa alguma. Compram tudo prontinho nas lojas, mas como não existem lojas de amigos, os homens não tem mais amigos. Se tu queres um amigo, cativa-me."
"Eis o meu segredo. É muito simples: Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível para os olhos."
"Foi o tempo que perdeste com tua rosa que fez tua rosa tão importante."

Não é preciso ir muito longe para encontrar alguém que passa por algum tipo de necessidade. Enquanto para alguns falta saúde, outros às vezes só precisam de um pouco de felicidade. Independentemente de ter religião ou não, agradecer por tudo que a vida nos dá deveria ser até automático. Lembrar que algo tão natural como tomar banho ao chegar do trabalho pode ser algo tão desejado por alguém, tanto o banho quanto o trabalho, já nos faz pensar tantas outras coisas que podemos ser gratos. Agradeça sempre por tudo que acontece na sua vida, pois até que provem o contrário, ninguém sabe como será realmente o dia de amanhã. Se tudo o que você tem agora pode ser aproveitado ao máximo, não acha que deveria mesmo ser grato?

Ir mais além.

Vencer um desafio,
Procurar a superação,
Escapar por um fio,
E torná-se campeão,

Superá-se em cada gesto,
Conquistar o infinito,
Ir mais além do que o certo,
Ultrapassar o mais bonito,

Ir além da superação
E conquistar o impossível,
Ir além da imaginação
Para vencer o invencível.

Rômulo Raulino

Quando criança, por causa de meu caráter impulsivo, tinha raiva a menor provocação. Na maioria das vezes, depois de um desses incidentes me sentia envergonhado e me esforçava por consolar a quem tinha magoado.

Um dia, meu professor me viu pedindo desculpas depois de uma explosão de raiva. Me entregou uma folha de papel lisa e me disse:

- Amasse-a!

- Com medo, obedeci e fiz com ela uma bolinha.

- Agora - voltou a dizer-me - deixe-a como estava antes.

É óbvio que não pude deixá-la como antes. Por mais que tentei, o papel ficou cheio de pregas.

Então, disse-me o professor:

- O coração das pessoas é como esse papel... A impressão que neles deixamos será tão difícil de apagar como esses amassados.

Assim aprendi a ser mais compreensivo e mais paciente. Quando sinto vontade de estourar lembro deste papel amassado. A impressão que deixamos nas pessoas é impossível de apagar.

Quando magoamos com nossas ações ou com nossas palavras, logo queremos consertar o erro, mas é tarde demais.

Alguém disse, certa vez: "Fale quando tuas palavras sejam tão suaves como o silêncio". Como uma folha.

Pense nisso!

Algumas pessoas apenas passam na nossa vida. Para elas, nós somos mais um lugar de breve paragem na sua longa caminhada, e logo partem para longe. No entanto, todos temos por vezes a sorte de encontrar alguém que faz questão de ficar, alguém que nos valoriza e gosta realmente de estar na nossa companhia.

Você é essa pessoa rara que faz uma vida valer a pena, a razão da minha felicidade dia após dia. Você é mesmo uma pessoa muito especial para mim e eu quero que fique para sempre do meu lado.

Saudade é solidão acompanhada,
é quando o amor ainda não foi embora,
mas o amado já...

Saudade é amar um passado que ainda não passou,
é recusar um presente que nos machuca,
é não ver o futuro que nos convida...

Saudade é sentir que existe o que não existe mais...

Saudade é o inferno dos que perderam,
é a dor dos que ficaram para trás,
é o gosto de morte na boca dos que continuam...

Só uma pessoa no mundo deseja sentir saudade:
aquela que nunca amou.

E esse é o maior dos sofrimentos:
não ter por quem sentir saudades,
passar pela vida e não viver.

O maior dos sofrimentos é nunca ter sofrido.

Pablo Neruda

Numa terra em guerra, havia um rei que causava espanto. Cada vez que fazia prisioneiros, não os matava, levava-os a uma sala, que tinha um grupo de arqueiros em um canto e uma imensa porta de ferro do outro, na qual haviam gravadas figuras de caveiras. Nesta sala ele os fazia ficar em círculo, e então dizia: - Vocês podem escolher morrer flechados por meus arqueiros, ou passarem por aquela porta e por mim lá serem trancados. Todos os que por ali passaram, escolhiam serem mortos pelos arqueiros. Ao término da guerra, um soldado que por muito tempo servira o rei, disse-lhe: - Senhor, posso lhe fazer uma pergunta? - Diga soldado. - O que havia por trás da assustadora porta? - Vá e veja. O soldado então a abre vagarosamente, e percebe que a medida que o faz, raios de sol vão adentrando e clareando o ambiente, até que totalmente aberta, nota que a porta levava a um caminho que sairia rumo a liberdade. O soldado admirado apenas olha seu rei que diz: - Eu dava a eles a escolha, mas preferiram morrer a arriscar abrir esta porta. Quantas portas deixamos de abrir pelo medo de arriscar? Quantas vezes perdemos a liberdade, apenas por sentirmos medo de abrir a porta de nossos sonhos?

Todos nós já tivemos, de uma maneira ou de outra, experiências difíceis na vida. Isto faz parte de nossa viagem por esta Terra e embora muitas vezes pensamos que as coisas podiam ter acontecido de outra maneira – o fato é que não podemos mudar nosso passado.
Por outro lado, é uma mentira pensar que tudo que nos acontece tem o seu lado bom. existem coisas que deixam marcas muito difíceis de superar, feridas que sangram muito.
Como, então, nos livrarmos de nossas experiências amargas?
Só existe uma maneira: vivendo o presente. Entendendo que, embora não possamos mudar o passado, podemos mudar a próxima hora, o que acontecerá durante à tarde, as decisões a serem tomadas antes de dormir.
Como diz o velho provérbio hippie: hoje é o primeiro dia do resto da minha vida.

Minha afilhada, chegou o seu momento, seus esperados e desejados quinze anos e como sua madrinha não poderia ficar de fora deste acontecimento, quero compartilhar cada minuto deste seu dia maravilhoso e presenciar cada um dos seus sorrisos.

Abra seu coração para emoções mais fortes e que darão o segmento para a sua vida, mostrando que é determinada, digna e que está certa dos propósitos que te levarão a conquista da sua felicidade.

Ao perceber que o mundo está nas mãos dos jovens, você sentirá total segurança dos passos que te farão vencer os obstáculos e as barreiras que se colocarem em seu caminho.

Desejo a você minha afilhada, que uma constelação inteira brilhe neste seu novo caminho quase adulto daqui para frente, iluminando sua evolução para uma vida segura, vivendo sua maturidade e vendo a beleza da vida.

Parabéns e muitas felicidades pelos seus 15 anos.

Quando ainda era criança, sonhava um dia ter meus filhos e poder constituir minha própria família. Ficava me imaginando com um bebê nos braços, lhe dando de comer ou lhe concedendo todo o meu carinho. No entanto, por mais cenários que eu idealizasse, por mais imagens que eu criasse em minha mente, nada chegou perto do verdadeiro sentimento, a maravilhosa felicidade que senti e sinto por ter filhos como vocês.

Um filho é uma bênção que não se consegue explicar, é o maior privilégio que podemos ter neste mundo. Só quando somos pais é que nos sentimos verdadeiramente preenchidos e a nossa existência ganha todo o sentido.

Gostaria de definir o amor que sinto por vocês, mas palavras não chegariam para descrever a sua força e profundidade. Eu era capaz de dar minha vida pela de vocês e o meu bem estar depende inteiramente do vosso. Acima de tudo, só quero que vocês sejam felizes, meus filhos, hoje e sempre.

Sem querer te encontro,
Se te encontro,
Sem querer te olho,
Se te olho,
Sem querer te sinto,
Se te sinto,
Sem querer descubro que te amo.
Mas como todas as coisas da vida
Sem querer pedimos desculpas.
Desculpa por te encontrar,
Desculpa por te olhar,
Desculpa por te sentir,
Mas desculpa mesmo foi por te amar
FOI SEM QUERER.