Ora����es - Mensagens

Não sei se você já parou e observou a diferença que existe entre uma borboleta e uma abelha. Na verdade há muitas diferenças, mas uma delas nós logo percebemos: a abelha voa reto, com um alvo certo. a borboleta voa sem direção.
A abelha sai de sua colmeia e vai direto às flores. Lá colhe os açúcares para produzir o mel e volta, em linha reta até sua colmeia.
Não perde tempo e não faz voltas, porque sabe para onde vai.
A borboleta não tem rumo certo. Ela voa, ora para a direita, ora para a esquerda. ora pra cima, ora pra baixo. Para e continua, vai e volta e às vezes até deixa guiar-se pelo vento. Parece sem direção, sem objetivo, sem saber o caminho para onde ir.
O que você acha? Será que uma pessoa pode viver sem rumo, sem alvo, sem saber para onde ir? Será que uma pessoa pode passar pela vida como uma borboleta ora pra cá, ora pra lá, ao sabor do vento? Sem um rumo e um caminho certo?
Você é um cristão abelha... Quando sabe para onde vai, conhece e pratica os ensinamentos da Palavra de Deus.
Você é um cristão borboleta... Quando em determinados momentos se interessa pelos caminhos de Deus, mas, porém, logo se esquece desses caminhos.
Sejamos, então, cristãos abelhas!
Em João 14. 6, Jesus diz que "Ele é o caminho, a verdade e a vida e que ninguém vai ao Pai senão através Dele".

Eu te amo, com a força dos temporais,
Com a fúria incontrolável dos vulcões.
Com a energia acumulada nos trovões
Desde longos tempos imemoriais.

Eu te amo, com a leveza dos cristais,
Com a textura das rosas em seus botões.
Com as notas delicadas das canções
Com as cores de mil roupas nos varais.

Eu te amo todas as horas do dia
E este amor ora leveza, ora tormenta,
Este amor que ora é prazer ora agonia

Pra meu barco é a segurança de um cais.
Muito embora ele saiba e se contenta
Que apenas é só mais um!... e nada mais!

Jenário de Fátima

Um Lobo, ao se entalar com um pedaço de osso, combinou com uma Garça, para que esta colocasse a cabeça dentro da sua goela, e de lá pudesse retirá-lo. Em troca teria de lhe dar uma grande quantidade em dinheiro,

Quando a Garça retirou o osso e exigiu o seu pagamento, o Lobo, rosnando ferozmente, exclamou:

Ora, Ora! Você já foi devidamente recompensada. Quando permiti que sua cabeça saísse a salvo de dentro da minha boca, você já foi muito bem paga.

Moral da História: Ao servir a alguém de má índole, não espere recompensas, e ainda agradeça caso o mesmo vire as costas e vá embora sem lhe fazer mal algum.

Ao iniciar esta jornada, peço a tua proteção.
Volta teus olhos pra o caminho que ora vou trilhar, estendendo a tua proteção sobre todos os meus passos.
Ilumina a minha estrada pois, sempre que estás comigo, sou forte e capaz de suportar as lições que me destinas.
Orienta as decisões que deverei tomar.
Acompanha-me e certifica-me de que estarei indo ao encontro das minhas melhores opções.
Faz com que minha jornada tenha sucesso, Senhor.
Livra-me dos perigos, dos acidentes e de qualquer situação que me impeça de construir a minha felicidade.
Governa as minhas ações e o comportamento daqueles que podem influenciar o meu destino.
Dirige a tua luz divina para este filho teu que ora com fervor e é motivado pelo teu amor.
Que assim seja, para sempre. Amém!

Na China havia um garoto pobre que desejava muito um cavalo. Um dia o dono de uma cavalaria, sabendo do seu desejo, deu a ele um potrinho.

Um vizinho, tomando conhecimento do ocorrido, disse ao pai do garoto: - Seu filho é de sorte - Por que?, perguntou o pai. -Ora, disse ele, -seu filho queria um cavalo e ele ganha um potrinho. Não é sorte? - Pode ser sorte ou pode ser azar!, comentou o pai.

Um dia o cavalo foge. O vizinho, chegando ao pai do garoto falou: - Seu filho é de azar- Por que?, perguntou o pai. - Ora, disse ele,- seu filho queria um cavalo e ele ganha um potrinho. Agora o animal que tanto ele gostava fugiu. Não é azar? -Pode ser sorte ou pode ser azar!, comentou o pai.

O tempo passa e um dia o cavalo volta com uma manada selvagem. O menino, agora um rapaz, consegue cercá-los e fica com todos eles. Observa o vizinho: - Seu filho é de sorte! Ganha um potrinho, cria, ele foge e volta com um bando de cavalos selvagens. -Pode ser sorte ou pode ser azar, respondeu novamente o pai.

Mais tarde, o rapaz estava treinado um dos cavalos, quando cai e quebra a perna. Vem o vizinho.- Seu filho é de azar! O cavalo foge, volta com uma manada selvagem, o garoto vai treinar um deles e quebra a perna.
- Pode ser sorte ou azar insiste o pai.

Dias depois, o reino onde moravam declara guerra ao reino vizinho. Todos os jovens são convocados, menos o rapaz que estava com a perna quebrada. O vizinho. - Seu filho é de sorte...

Assim é na vida, tudo que acontece pode ser sorte ou azar. Depende do que vem depois. O que parece ser azar num momento, pode ser sorte no futuro.

Salmo 42:11 "Porque você esta assim tão triste, ó minha alma? Porque esta assim tão perturbada dentro de mim? Ponha sua esperança em Deus! Pois ainda o louvarei; Ele é o meu salvador e o meu Deus"

Lamentamos e choramos com vocês a perda de seus queridos jovens, que no vigor de sua juventude foram surpreendidos pela fatalidade do acidente ocorrido. Com certeza a dor esta grande e o desespero deseja controlar suas vidas, ora pelas perdas, ora pela indignação causada pela irresponsabilidade do estabelecimento que não ofereceu segurança aos seus queridos.

Como Igreja Metodista no Brasil e em Santa Maria, como escolas Metodistas, Instituto Metodista Centenário e Fames, nos unimos a vocês neste momento de dor e perdas. Não há palavras para expressar nosso desejo de consolo para vocês, por isto recorremos ao Deus e Pai, na pessoa de Jesus Cristo, pois Nele vocês podem encontrar consolo frente às tristezas que invadem seus corações e forças diante das fragilidades que se encontram em todos nós nesta hora.

Sejam fortes na força que está em Deus, sejam consolados pelo consolo que vem de Deus, dos amigos e de seus familiares, recebam todos a graça de Deus e nossa solidariedade.

Contem com a comunidade metodista que se coloca à disposição de vocês com tudo o que é e tem. Nossa solidariedade em Jesus nos permite sentir a dor que está em vocês.
Contem com nossas orações e apoio.

Salmo 30: 5 "O choro pode durar uma noite; pela manhã, porém, vem o cântico de júbilo".

Fraternalmente em Jesus Cristo,

Bispo Adonias Pereira do Lago – Presidente do Colégio Episcopal
Bispos, Bispa, Pastores, Pastoras, Escolas Metodistas e Colégio Centenário.

Igreja Metodista

Sempre é tempo de recomeçar. Em qualquer situação podemos abrir novas portas, conhecer novos lugares, novas pessoas, ter outros sonhos. Renovar o nosso compromisso com a vida e assim, renascer para a vida e alcançar a felicidade. Não importa quem te feriu, o importante é que você ficou.
Não interessa o que te faltou, tudo pode ser conquistado. Não se ligue em quem te traiu, você foi fiel. Não se lamente por quem se foi, cada um tem seu tempo. Não reclame da dor, ela é a conselheira que nos chama de volta ao caminho. Não se espante com as pessoas, cada um carrega dentro de si, dores e marcas que alteram o seu comportamento, ora estamos felizes e transbordamos de alegria e paz, ora estamos melancólicos e só queremos ficar sozinhos.
O mundo está cheio de novas oportunidades, basta olhar para a terra depois da chuva. Veja quantas plantinhas estão surgindo, como o verde se espalha mais bonito e forte depois da tempestade. As portas se abrem para os que não tem medo de enfrentar as adversidades da vida, para os que caíram, mas se levantam com o brilho de vitória nos olhos.
Todo o caminho tem duas mãos, uma que seguimos ainda com passos inseguros, com medo, porque não sabemos ainda o que vamos encontrar lá na frente. Na volta, mesmo derrotados, já sabemos o que tem no caminho, e quando um dia, resolvemos enfrentar os nossos medos e fazer essa viagem novamente, somos mais fortes, nossos passos são mais firmes, já sabemos onde e como chegar ao destino. O destino é a vitória, o seu destino é ser feliz, eu creio nisso, e você? Você está pronto para recomeçar?
O caminho está a tua espera, pé na estrada, coloque um sonho na alma, fé no coração e esperança na mochila, a vida se enche de novidades para os que se aventuram na viagem que conduz a verdadeira liberdade.

A vida caminha precipitadamente. Perseguimos alguns esquemas flutuantes ou somos perseguidos por algum medo ou autoridade atrás de nós. Mas, se, de repente, encontramos um amigo, paramos; o nosso calor e a nossa pressa se tornam ridículos. Ora a pausa, ora o domínio são necessários e também a força para encher o momento dos eflúvios do coração. O momento é tudo, em todas as relações nobres.
Uma pessoa divina é a profecia do espírito; um amigo é a esperança do coração. A nossa ventura espera pela concretização destas duas em uma.

Os séculos estão a dilatar essa força moral. Toda a força é a sombra ou o símbolo daquela. A poesia é alegre e forte quando extrai nessa fonte a sua inspiração. Os homens só inscrevem os seus nomes no mundo quando estão cheios deste. A história tem sido ignóbil; as nossas nações têm sido a gentalha; nunca vimos um homem: essa forma divina que ainda não conhecemos, mas apenas o sonho e a profecia de tal; não conhecemos os modos majestosos que lhe são peculiares e que acalmam e exaltam o observador.

Um dia veremos que a energia mais particular é a mais pública, que a qualidade afina com a quantidade e a grandeza de carácter atua na sombra e socorre aos que nunca a viram. O que de grandeza já apareceu são os princípios e estímulos para que prossigamos nesse sentido. A história daqueles deuses e santos que o mundo tem escrito, e depois adorado, são provas de carácter.

Ralph Waldo Emerson

A gente tem saudades de tantos lindos momentos... A gente tem saudades do que viveu, e não consegue viver de novo... De um grande amor interrompido... de um gostar proibido. A gente tem saudade do que não fez... e poderia ter feito..
São saudades dúbias... ora rimos, ora choramos... São saudades de coisas incompletas... Que ficaram por acontecer... e o destino interrompeu... A gente tem saudades da gente mesmo...
Do que fomos... em outros tempos... A gente ri e chora de saudades de um grande amor... Ah! na certa não poderia suportar... Se não me ancorasse nas lembranças,
Do que deu para acontecer... Quase não dou conta dessas saudades todas... Creio que são as lembranças que me salvam... De me perder na saudade, e dão a ela
Aquele sabor de felicidade... Saudades felizes... acontecem... sim, Se temos doces lembranças! Doídas saudades felizes..

Não tenho nada mas tudo que quero se faz presente aquecendo minha alma alimentando meu dia mesmo que meus bolsos continuem vazios... Meus amores se perdem em meio há multidão alguns dividem sonhos outros apenas deixam o amargo sabor da desilusão sempre me entrego inteira sem mirar o abandono.
Sofro... com o coração mudo espero o tempo amenizar a dor se perdoo ou não... Não paro para analisar só não me deixo despencar no precipício, que a mente cria, para suicidar a alma.
E assim passo os dias no calendário do meu viver uns são desérticos, silenciosos outros, imperam ruídos de espectros alguns explodem em luz e cores mas, todos tem momentos de paz pra renovar a alma!
Apenas me deixo viajar neste comboio pela vida onde episódios correm soltos por corredores, ora sombrios ora iluminados... Deixando rastros invisíveis aos olhos de meros mortais!

Sonhar não é tão simples quanto parece...
Ao contrário, pode ser uma atividade perigosa...
Quando queremos algo, colocamos em marcha energias poderosas e não conseguimos mais esconder de nós mesmos o verdadeiro sentido da vida.
Quando queremos algo, fazemos a escolha de um preço a pagar.
Seguir um sonho tem um preço.
Pode exigir que a gente abra mão de velhos hábitos, pode nos fazer passar dificuldades, desânimos, decepções.
Porém, por mais alto que seja esse preço, nunca será tão grande quanto aquele pago por quem nunca se arriscou...
Porque esses, um dia, vão olhar para trás, ver tudo o que não fizeram e escutar o próprio coração dizer: desperdicei a minha vida?
Essa é uma das piores constatações que alguém pode fazer.
E aí, será tarde demais.

Pensamento de Mário Quintana:
"Se as coisas são inatingíveis
Ora, não é motivo para não querê-las.
Que tristes os caminhos se não fora a presença distante das estrelas."

Ante os mortos queridos, Faze silêncio e ora.
Ninguém pode apagar A chama da saudade.
Entretanto se choras, Chora fazendo o bem.
A morte para a vida É apenas mudança.
A semente no solo Mostra a ressurreição.
Todos estamos vivos Na presença de Deus.

Um dia dois viajantes deram de cara com um dos animais mais perigosos daquela floresta, um urso. O primeiro se salvou escalando uma árvore, mas o outro, sabendo que não ia conseguir vencer sozinho o urso, se jogou no chão e fingiu-se de morto. O urso se aproximou dele e começou a cheirar sua orelha, mas, convencido de que estava morto, foi embora. O amigo começou a descer da árvore e perguntou:

- O que o urso estava cochichando em seu ouvido?

- Ora, ele só me disse para pensar duas vezes antes de sair por aí viajando com gente que abandona os amigos na hora do perigo.

Moral da história: A desgraça põe à prova a sinceridade e a amizade.

Esopo

Coisa boa na vida é ter amigos! Com amigos aprendo o que é companheirismo, a viver a lealdade, a ouvir. Descubro o que é fidelidade, compreensão. O amigo é um verdadeiro tesouro, não por sua raridade, mas por seu valor.

Humanamente falando, o amor de amigo é extraordinário e belo. Na amizade se vive a caridade de maneira ardente.

Amigo é alguém que não tem os meus genes, que só chegou à minha vida depois que eu já havia crescido bastante, mas a ele sou fiel, com ele partilho vida.

"A amizade é a mais verdadeira realização da pessoa", palavras de Santa Teresa d'Ávila. Pergunto-me como seria o mundo se todos fossem amigos. Acho que seria repleto de almas saudáveis, seguras, saciadas no amor.

O amigo é companheiro na caminhada, ensina a ser forte quando é preciso, é fortaleza quando não somos suficientes para nós mesmos. Falando dessa maneira a imagem que aparece é a de Jesus, nosso Amigo Maior. É exatamente assim que ele está presente em nossas vidas, desde que nos chamou de amigos (Jo 15,15). Não há como negar que é de Deus que vem o dom da amizade.

O amigo é um tesouro porque com ele experimentamos Deus em nossa vida de maneira concreta, próxima. Por isso, amizade é apostolado, é ser Deus para o outro. Ora, então amizade não é só coisa boa na vida, amizade é essencial à vida!

Agradeço a Deus por todos os meus amigos, agradeço porque estavam em todos os momentos de minha vida, me mostrando que Deus estava ali comigo, tão perto.

Obrigada amigos queridos! Que Deus abençoe e ilumine as nossas amizades.

Lissandra Tété

Me parece que podemos, com maior razão, distinguir o amor em função da estima que temos pelo que amamos, em comparação com nós mesmos. Porque quando estimamos o objecto do nosso amor menos que a nós mesmos, temos por ele apenas uma simples afeição; quando o estimamos tanto quanto a nós mesmos, a isso se chama amizade; e quando o estimamos mais, a paixão que temos pode ser denominada como devoção. Assim, podemos ter afeição por uma flor, por um pássaro, por um cavalo; porém, a menos que o nosso espírito seja muito desajustado, apenas por seres humanos podemos ter amizade. E de tal maneira eles são objeto dessa paixão que não há homem tão imperfeito que não possamos ter por ele uma amizade muito perfeita, quando pensamos que somos amados por ele e quando temos a alma verdadeiramente nobre e generosa.

Quanto à devoção, o seu principal objeto é sem dúvida a soberana divindade, da qual não poderíamos deixar de ser devotos quando a conhecemos como se deve conhecer. Mas também podemos ter devoção pelo nosso príncipe, pelo nosso país, pela nossa cidade, e mesmo por um homem particular quando o estimamos muito mais que a nós mesmos. Ora, a diferença que há entre esses três tipos de amor se manifesta principalmente pelos seus efeitos; pois, como em todos nos consideramos juntos e unidos à coisa amada, estamos sempre dispostos a abandonar a menor parte do todo que compomos com ela, para conservar a outra.
Isto nos leva, na simples afeição, a sempre nos preferirmos ao que amamos; e, na devoção, ao contrário, a preferirmos a coisa amada e não a nós mesmos, de tal forma que não hesitamos em morrer para a conservar. Frequentemente se viram exemplos disso, nos que se expuseram à morte certa para defender o seu príncipe ou a sua cidade, e mesmo às vezes pessoas particulares às quais se tinham devotado por inteiro.

René Descartes

Quando os joelhos se dobram
E as lágrimas rolam
E você é levada a Deus pela fé
Pela oração...
Faz tremer o inferno
Deus muda a situação
O espírito Santo enxuga
O seu pranto e tira ele do chão

Não existe nada que detenha
Um crente que ora...
Quando ele clama
Todo céu se abre
Deus manda vitória...

Mesmo que as lutas
Tentem ofuscar a sua visão espiritual
Dobra os joelhos
E com oração vence todo mal!

Deus abre a porta, Deus decreta a vitória
Deus exalta o pequeno quando chega a hora
O menino vence o gigante
E as muralhas vão ao chão!
O fraco fica forte, Deus faz dele um campeão
Machado flutua, Deus abre o Jordão
O inferno bate em retirada
Quando você clama ao senhor na oração

O segredo está na oração do crente...
Sua voz move o coração de Deus!
Meu irmão, se está difícil pra você
O segredo da vitória receber
É orar e descansar
Deus é fiel!

Cassiane e Jairinho

Certa vez, um vaga-lume chamado Spy voava pela floresta e, como de costume, percorria determinado caminho para ir a sua casa. No meio do caminho, Spy notou a presença de um outro animal, mas não deu muita atenção, porque se tratava de uma cobra. um bicho que nunca o incomodou.
Spy continuava a voar e percebeu que a cobra começou a segui-lo. Quanto mais rapidamente Spy voava, mais rapidamente a cobra o seguia. Em determinado momento, Spy cansou-se de voar em alta velocidade e, vendo que a cobra estava cada vez mais perto, resolveu parar. A cobra demonstrava raiva e deixava clara a intenção de devorá-lo.
Spy, exausto e vendo que seria devorado pela cobra, pediu um minuto antes do ataque mortal e perguntou: Por que tu me segues? Por que tu queres me matar? E a cobra respondeu: Não sei! Spy então falou: Eu nem faço parte da tua cadeia alimentar! Eu não te fiz nada! A cobra diz: Eu sei! Spy, vendo que mesmo assim seria devorado, fez a última pergunta: Afinal de contas, por que tu me seguiste e agora queres me matar?
A cobra enfim responde:
Ora, vaga-lume, eu odeio ver alguém brilhar na minha frente. Quando a cobra foi atacá-lo, Spy apagou sua luz por alguns instantes e conseguiu se esconder da cobra invejosa. Spy conseguiu fugir e sobreviver, mas teve que apagar o seu brilho por alguns instantes. Essa história, de um autor desconhecido, mostra que a inveja é, sem dúvida, um dos grandes malefícios da humanidade. Mas por mais que existam cobras em todos os lugares tentando apagar o brilho dos vaga-lumes, e muitas vezes até conseguindo incomodar e prejudicar o próximo, ofuscando provisoriamente seu brilho,
Deus nunca deixará que apaguem o brilho de uma estrela boa e fiel aos seus princípios, pois elas trazem o bem para consigo e para os que necessitam de luz.

Em breve chegará o dia em que os cristãos comemoram a ressurreição de Jesus e os judeus a libertação do cativeiro egípcio – a Páscoa.
Com esse evento, renovo minha fé cristã na ressurreição e no imenso amor de Deus por seus filhos adotivos, enviando seu Filho amado – seu Filho unigênito – para nos salvar.
Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu Filho unigênito para que todo aquele que Nele crê não pereça, mas tenha vida eterna. João 3:16.
Uma das mensagens bíblicas fundamentais, para mim, é a salvação dada com a morte de Jesus e a sua vitória sobre a cruz. Ele morreu, mas ressuscitou! Para crer neste evento e em tantos outros que a Bíblia relata, temos que ter fé e essa fé não é dada nem comprada. A fé só vem pela Palavra de Deus.
De sorte que a fé é pelo ouvir e o ouvir pela Palavra de Deus. Romanos 10:17.
Ora, sem fé é impossível agradar a Deus, porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que Ele existe e que é galardoador dos que O buscam. Hebreus 11:6.
Creio plenamente na ressurreição de Jesus Cristo. Sei e sinto que Ele me ama – apesar dos meus muitos defeitos.
Sou e serei eternamente grata aos meus pais por ter tido esta oportunidade ímpar – conhecer Jesus e seus ensinamentos.
Viva! Jesus ressuscitou!

A imensidão do mar, muito tem a nos ensinar. Ora, a vida não é mais do que navegar! Muitas vezes ficamos à deriva, sem saber que direção seguir e deixando o vento nos levar. Outras vezes, lutamos contra as ondas mesmo correndo o risco de o barco afundar.

Nos momentos em que o mar está mais calmo, tranquilo, silencioso, e quase estático como uma imagem, é quando melhor podemos contemplar o fundo do mar, ver as pedras, os peixes e as algas a moverem-se com clareza e nitidez.

Quando há muita turbulência em nossa vida, é como se estivéssemos passando por um maremoto. Um velho marujo pode até tirar de letra os perigos da tempestade e a agitação do mar. Mas um jovem marinheiro pode simplesmente se assustar, e ficar perdido sem nem mesmo saber se orientar.

As decisões tomadas em alto mar, em meio a tempestades e redemoinhos, nem sempre são as melhores, muitas vezes são apenas as possíveis. E se for preciso vidas sacrificar em nome da maioria da tripulação, assim será. Por isso, quando precisar tomar decisões importantes em sua vida, navegue por águas calmas, onde possa ver o que há de mais profundo com clareza e tranquilidade.

Feliz é todo aquele que: Ouve somente o que é interessante, vê somente o que o faz crescer, faz somente o que lhe faz bem e aos outros também.
Cala para não agredir, abençoá para não ferir, deseja aos demais o que deseja para si. Em vez de chorar prefere sorrir... Em vez de lamentar ocupa o seu tempo com coisas úteis para os outros e para si.
Semeia a harmonia, busca a calma e equilíbrio, no silêncio se refaz, ora pela paz, faz da vida uma escola para evoluir... Ama a todos como ama a si para deixar e levar, boas lembranças ao partir... E a cada dia da minha vida estou me esmerando ao máximo para "ser" e " agir" assim!

Um dia um homem foi ao barbeiro. Enquanto tinha seus cabelos sendo cortados, conversava com o barbeiro. Falava da vida e de Deus. Daí a pouco, o barbeiro, incrédulo, não aguentou e falou: - Deixa disso, meu caro, Deus não existe. - Por quê? - Se Deus existisse, não haveria tantos doentes, mendigos, pobres... Olhe em volta e veja quanta tristeza. É só andar pelas ruas e enxergar. - Bem, essa é a sua maneira de pensar, não é? - Sim, claro. Pois bem. O freguês pagou o corte e foi saindo, quando avistou imediatamente um maltrapilho imundo, com longos cabelos, barba desgrenhada, suja, abaixo do pescoço. Não aguentou, deu meia volta e interpelou o barbeiro: - Sabe, não acredito em barbeiros. - Como assim? - Se existissem barbeiros, não haveriam pessoas de cabelos e barbas compridas. - Ora, existem tais pessoas porque evidentemente não vem a mim, não vão ao barbeiro. Eu não tenho culpa. - Ah... Agora eu entendi porque você não acredita em Deus.

O nosso caminho é feito pelos nossos próprios passos... Mas a beleza da caminhada depende dos que vão conosco!
Assim, neste novo ano que se inicia possamos caminhar mais e mais juntos... Em busca de um mundo melhor, cheio de paz, saúde, compreensão e muito amor.
O ano se finda e tão logo o outro se inicia... E neste ciclo do "ir" e "vir" o tempo passa... E como passa! Os anos se esvaem... E nem sempre estamos atentos ao que realmente importa.
Deixe a vida fluir e perceba entre tantas exigências do cotidiano o que é indispensável para você!
Ponha de lado o passado e até mesmo o presente! E crie uma nova vida... Um novo dia... Um novo ano que ora se inicia! Crie um novo quadro para você! Crie, parte por parte... Em sua mente... Até que tenha um quadro perfeito para o futuro... Que está logo além do presente. E assim dê início a uma nova jornada! Que o levará a uma nova vida, a um novo lar... E aos novos progressos na vida! Você logo verá esta realidade, e assim encontrará a maior felicidade... E recompensa...
Que o Ano Novo renova nossas esperanças, e que a estrela crística resplandeça em nossas vidas e o fulgor dos nossos corações unidos intensifique a manifestação de um Ano Novo repleto de vitórias! E que o resplendor dessa chama seja como a tocha que ilumina nossos caminhos para a construção de um futuro, repleto de alegrias! E assim tenhamos um mundo melhor!
A todos vocês companheiros (as) que temos o mesmo ideal, amigos (as) que já fazem parte da minha vida, desejo que as experiências próximas de um Ano Novo lhes sejam construtivas, saudáveis e harmoniosas.
Muita paz em seu contínuo despertar.
Um feliz Ano Novo!