Fofoca - Mensagens

1- Pense sempre, de forma positiva.
Toda vez que um pensamento negativo vier à sua cabeça, troque-o por outro!
Para isso, é preciso muita disciplina mental.
Você não adquire isso do dia para a noite; assim como um atleta, treine muito.

2- Não tenha medo de nada e ninguém.
O medo é uma das maiores causas de nossas perturbações interiores.
Tenha fé em você mesmo.
Sentir medo é acreditar que os outros são poderosos.
Não dê poder ao próximo.

3- Não se queixe.
Quando você reclama, tal como um ímã,
você atrai para si toda a carga negativa de suas próprias palavras.
A maioria das coisas acabam dando errado,
começa a se materializar quando nos lamentamos.

4- Risque a palavra CULPA do seu dicionário.
Não se permita esta sensação, pois quando nos punimos,
abrimos nossa retaguarda para espíritos opressores e agressores,
que vibram com nossa melancolia. IGNORE-OS.

5- Não deixe que interferências externas tumultuem o seu cotidiano.
Livre-se de fofocas, comentários maldosos e gente deprimida.
Isto é contagioso.
Seja prestativo com quem presta.
Sintonize com gente positiva e alto astral.

6- Não se aborreça com a facilidade e nem dê importância às pequenas coisas.
Quando nos irritamos, envenenamos nosso corpo e nossa mente.
Procure conviver com serenidade e quando tiver vontade de explodir, conte até dez.

7- Viva o presente.
O ansioso vive no futuro.
O rancoroso, vive no passado.
Aproveite o aqui e agora.
Nada se repete, tudo passa.
Faça o seu dia valer a pena.
Não perca tempo com melindres e preocupações, pois só trazem doenças.

Existe uma coisa difícil de ser ensinada e que, talvez por isso, esteja cada vez mais rara: a elegância do comportamento.
É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples obrigado diante de uma gentileza.
É a elegância que nos acompanha da primeira hora da manhã até a hora de dormir e que se manifesta nas situações mais prosaicas, quando não há festa alguma nem fotógrafos por perto.
É uma elegância desobrigada.
É possível detectá-la nas pessoas que elogiam mais do que criticam.
Nas pessoas que escutam mais do que falam.
E quando falam, passam longe da fofoca, das maldades ampliadas no boca a boca.
É possível detectá-las nas pessoas que não usam um tom superior de voz.
Nas pessoas que evitam assuntos constrangedores porque não sentem prazer em humilhar os outros.
É possível detectá-la em pessoas pontuais.
Elegante é quem demonstra interesse por assuntos que desconhece, é quem cumpre o que promete e, ao receber uma ligação, não recomenda à secretária que pergunte antes quem está falando e só depois manda dizer se está ou não está.
É elegante não ficar espaçoso demais.
É elegante não mudar seu estilo apenas para se adaptar ao de outro.
É muito elegante não falar de dinheiro em bate-papos informais.
É elegante retribuir carinho e solidariedade.
Sobrenome, joias, e nariz empinado não substituem a elegância do gesto.
Não há livro que ensine alguém a ter uma visão generosa do mundo, a estar nele de uma forma não arrogante.
Pode-se tentar capturar esta delicadeza natural através da observação, mas tentar imitá-la é improdutivo.
Educação enferruja por falta de uso.
"LEMBRE-SE de que colheremos, infalivelmente aquilo que houvermos semeado.
Se estamos sofrendo, é porque estamos colhendo os frutos amargos das sementeiras errôneas. Fique alerta quanto ao momento presente. Plante apenas sementes de sinceridade e de amor, para colher amanhã os frutos doces da alegria e da felicidade. Cada um colhe, exatamente, aquilo que plantou."

Se a tristeza tomou conta de você no dia de hoje, silencie. Se pessoas falaram de ti e se te julgaram, silencie. Se a mágoa te faz chorar, silencie. Saiba que Deus tudo vê, nada escapa de seus olhos. Pois Ele conhece o coração dos maus e bons. Nada foge de seus olhos. Não queira revidar e nem discutir. Eu sei que dói, ainda mais quando são pessoas próximas de ti. Não julgue e que atire a primeira pedra quem nunca errou. Às vezes também falamos dos outros e também julgamos. Deus é misericordioso e nos perdoa. Então é hora de liberar o perdão. Logo o esquecimento chegará. Não pense que escrevo somente para você. Eu também preciso destas palavras para me confortar. Todos nós estamos sujeitos a julgamentos, pois também julgamos. Eu sei como dói, mas tudo tem o seu tempo. O meu eu sei que é calar e perdoar. O tempo se encarrega de colocar tudo no lugar. Às vezes nem é preciso uma fofoca. A gente sente no ar e no jeito que nos olham. E como sempre digo nada está oculto que não seja revelado. Na hora certa as coisas se esclarecem. Também sinto vontade de chorar e me isolar. Mas há um Deus que combate por nós. Ele é justo e tudo sabe de nós. Ele conhece nosso coração e somente Ele pode julgar. No mais perdoo aqueles que me feriram. Não é fácil, mas aprendi que primeiro vem à ação depois a reação. Primeiro o querer e depois Deus nos dá a graça do esquecimento. Tente, você vai se surpreender. Um abraço fraterno e fique em paz. Eu por aqui vou pedindo a Deus que abençoe aqueles que me magoaram. Logo essa dor vai passar e vou sorrir novamente.