Mensagens de Esperança

E um adolescente disse: "Fala-nos da amizade".
E ele respondeu, dizendo: "Vosso amigo, é a satisfação de vossas necessidades. Ele é o campo que semeias com carinho e ceifais com agradecimento. E vossa mesa e vossa lareira. Pois ides e ele com vossa fome e o procurais em busca da paz.
Quando vosso amigo manifesta seu pensamento, não temeis o "não" de vossa própria opinião, nem prendeis o sim. E quando ele se cala, vosso coração continua a ouvir o seu coração Porque na amizade, todos os desejos, ideais, esperanças, nascem e são partilhados sem palavras, numa alegria silenciosa.
Quando vos separeis de vosso amigo, não vos aflijais. Pois o que vós ameis nele pode tornar-se mais claro na sua ausência, como para o alpinista a montanha aparece mais clara, vista da planície.
E que não haja outra finalidade na amizade a não ser o amadurecimento do espírito. Pois o amor que procura outra coisa a não ser a revelação de seu próprio mistério não é o amor, mas uma rede armada, e somente o inaproveitável é nela apanhado.
E que o melhor de vós próprio seja para o vosso amigo. Se ele deve conhecer o fluxo de vossa maré, que conheça também o seu fluxo. Pois, que achais seja vosso amigo para que o procureis somente a fim de matar o tempo? Procurai-o sempre com horas para viver.
Pois o papel do amigo é o de encher vossa necessidade, e não vosso vazio. E na doçura da amizade, que haja risos e o partilhar dos prazeres. Pois no orvalho de pequenas coisas, o coração encontra sua manhã e se sente refrescado."

Nas últimas vezes... que nos falamos Nos últimos dias e meses... E em todos esses anos Acabei não lembrando De dizer o significado da tua existência para mim, ser calado... És, foi e sempre vais ser alguém especial!
Esqueci de dizer... ainda que distante teu papel na minha vida foi demais importante És pessoa querida!
Esqueci de dizer, no último encontro, que não importa... Se nunca vamos nos ver Marcaste minha vida me fizeste crescer!
Esqueci de dizer... deveria ter falado! Tu me ensinaste a viver mesmo quando cansado.
Esqueci de dizer... Que muitas pessoas... cruzaram meu caminho E nenhuma delas com flor ou espinho... as ruins ou as boas... permitiram me conhecer de modo intenso como aconteceu contigo.
Agora reflito... sobre isso eu penso... Muito mais que amigo que pude ou não ser Queria poder ter dito devagar, com calma Que foi mais que um afeto és estigma na minha alma Vai além dos sentidos!
Mas eu me esqueci... e o tempo passou... circunstâncias mudaram... e teu rosto não vi, águas que passaram.
Queria mais algumas palavras! Não falar, mas ouvir somente Como essas que escuto E repetem-se na mente Das conversas que tive Nas histórias que ouvia.
Sua presença vive nas lembranças da tua alegria. Sonhos e esperanças ao falar do futuro das dores passadas... do sentimento puro, das pessoas amadas.
Esqueci de dizer algo importante... No livro da minha vida És personagem marcante E vais sempre existir na minha trajetória E não há despedida que vai te excluir da minha história.

Pássaros vieram hoje bem cedo me acordar com muito barulho e vieram me lembrar, que os pensamentos de minha musa estavam logo cedo recordando de mim, seu amado.
E aquela barulhenta manhã com brisa suave me fez recordar. A brisa do mar que embora às vezes não muito quente também não esquece de deixar seu recado.
Ao sair mais tarde olhei as quaresmeiras florescendo em minha cidade. E lembrei que aonde estás os ipês de tua cidade voltarão à florescer em Agosto.
No nosso dia-a-dia procuramos administrar longe um do outro nossa imensa saudade. E nem mesmo a distância vai fazer que um de nós transpareça tristeza em nosso rosto.
Meu coração possui dentre dele um forte sentimento de alegria. Alegria por saber que existes e muito bem querer por teus sentimentos.
E ao olhar mais uma vez sua foto sorrindo, renovado de esperanças fica meu dia. Pois recordei em minha mente todos os nossos bons momentos.
Tal qual o ar que respiro, já faz parte de mim esta sempre renovada inspiração. Não sei deixar palavras sem registro porque elas melhor é que descrevem a nossa história.
E mesmo que tu minha musa não escrevas – tu me inspiras – a ter muito amor no coração. E nossas doces recordações já são parte de ti, estão em tua e na minha trajetória.
Após os pássaros me despertarem foram em outro lugar docemente repousar. Outras árvores em outros lugares foram para eles durante o dia merecido descanso.
Lembro mais uma vez que é em teus braços que desejo todos os dias recostar. Porque te desejar e te querer é algo que todos os dias jamais me canso...
Vou porém registrar mais uma vez que viverei para nossos sonhos realizar. Nossa distância, nossa ausência e outros ingredientes não nos impedirão.
De todos os dias os pássaros ouvir cantar, a natureza curtir e contemplar as flores nosso mundo embelezar. Porque enquanto vivemos nossa maior riqueza é o nosso Amor que temos dentro do coração.