Beijo - Mensagens

Ainda hoje posso me lembrar do primeiro beijo
Foi na sua boca e não no seu ouvido que revelei meu segredo
E matei minha ansiedade e descobri a maneira mais linda de expressar o amor
E pude me sentir em um lugar onde eu queria ficar para sempre
E quantas coisas são ditas no silêncio de um beijo?
Sem uma palavra sequer, o beijo diz: "Eu te Amo"
De olhos fechados, o beijo nos mostra coisas mais lindas do que tudo o que vemos
Um beijo roubado é o crime para o qual sempre haverá perdão
O beijo com mordida sacia a fome e a sede de todo e qualquer desejo
E um beijo de despedida é sempre uma forma de ficar mais um pouco se não podemos ficar para sempre
Um beijo dá sequência a um diálogo, dá trégua a uma briga
É a recompensa de um campeão, é o consolo de um perdedor
É o sonho do solitário, a esperança do presidiário
A língua pode falar muitos idiomas
Mas só a linguagem do beijo é universal?
O beijo é muito mais do que lábios, línguas, falta de ar e saliva...
O beijo é o abraço que se dá na boca
Posso beijar o teu sorriso como posso beijar as tuas lágrimas
E mesmo depois de ter beijado tanto, ainda tremi quando o disse: o pastor "Pode beijar a noiva!"
Ainda era você, mas o beijo era outro
Como também não era o mesmo que você me deu essa manhã
Como será totalmente diferente daquele que você me dará quando eu chegar em casa.

Por que tem que ser assim...
A gente Ama, se declara, promete mundos e fundos
E de repente sem mais nem menos...
Percebemos que não era o que esperávamos!
Percebemos que mais uma vez falhamos!
Quem te enchia de beijos, passa a não olhar mas na sua cara
E a quem você prometeu amor eterno!
Não é mais nem seu Amigo(a)!
Sabe por que tudo isso acontece?
Porque somos precipitados!
Precipitados ao dizer que amamos!
Precipitados ao assumir um relacionamento
Que muitas vezes não deveria ter saído
Dos beijos, dos passeios e dos encontros nos fins de semana!
Então quando a Paixão toma conta do nosso corpo, da nossa mente!
Dizemos palavras e depois nos arrependemos...
Fazemos juras de AMOR, quando não se é amor! É apenas uma Paixão!
E quando acordamos para realidade...
Quando a paixão passa...
O Príncipe Virou Sapo!!!

Quero que saiba que estou muito apaixonado por você.
Quanto te vi senti algo diferente em mim uma sensação que não consigo explicar que foi me deixando sem graça mais ao mesmo tempo feliz, uma confusão de sentimentos que nunca senti antes por alguém.
O que está acontecendo comigo não consigo explicar, pois a me vejo em uma situação diferente na minha vida nunca fiquei assim tão depende de alguém e isso aconteceu quando te conheci e espero que isso não acabe, pois realmente o que sinto por você é sincero e puro pois nosso coração não escolhe hora nem data para gosta de alguém... beijos de um homem muito apaixonado.

Quando é Amor
A gente sabe que é amor
Quando um simples beijo
Queima o coração
Um sorriso, um olhar
Um toque, um aperto de mão
A gente sente é pra valer
O corpo treme todo
A voz não quer sair
Não dá pra disfarçar
Os olhos não conseguem mentir
A gente deita pra dormir
Mas o sono não vem
Não quer saber de nada
Não quer ver ninguém
O tempo é inimigo
Corre devagar
No rádio uma canção tão bela
Uma história de amor
Eu quero estar contigo seja como for
Sem essa de juízo
Não dá pra esperar
Vem meu amor
Não faz assim
Você é tudo aquilo
Que sonhei pra mim
Vem meu amor
Não diz que não
Você já é a dona
Do meu coração

Todo beijo é válido quando desejado!
Não importa o tempo passado é sempre esperado!
Quando se ama intensamente, o pouco parece ser muito!
E por mais que rolam as lágrimas,
O brilho dos olhos não se apaga!
Os sorrisos nunca cessam!
Os sonhos jamais acabam.

Quem de fato um beijo deseja,
Roda todo o planeta a fora se preciso for para tê-lo!
Anda nos lugares mais remotos,
Quebra quaisquer regras e faz dos céus o seu único limite,
Mesmo que não entenda como pode o amor nos encantar
E nos fazer ser tão esfuziantes!

O amor preenche a tudo,
Portando, não devemos tê-lo como um vazio em nossa vida.
Para que não ocorra de um dia acordar,
E ao estender o braço,
Não sentir aquilo que apalpamos mesmo sabendo que o temos.

Eu me pergunto todos os dias, será que te perdi realmente?
Você ao me vê não sente as pernas tremulas, o coração disparado e a boca seca?
Você aos me vê não sente falta de meus beijos, de meus abraços de nossas "brincadeiras"?
Não sei se te perdi, por bancar o seguro, por não aceitar que era amor, por não saber externar o que sempre esteve no coração desde seu primeiro contato, naquela noite de setembro!
Eu não te perdi... apenas te deixei voar!

Fico imaginado seus olhos, sua boca, sua pele.

Você não percebe, mas quando estamos perto um do outro, mesmo sem nos tocarmos muitas coisas acontecem dentro de mim.

Queria te sentir bem juntinho a mim, tua pele colada na minha, seu beijo no meu corpo, descobrindo com cuidado e carinho cada parte de mim. Queria sentir mais perto esse teu cheiro que me enlouquece e toma conta de todo meu ser.

Meu corpo estremece ao te ver, ao ouvir a sua voz.

Imagino suas mãos me acariciando e tentando encontrar tudo o que não está a vista de seus olhos.

Imagino sua boca na minha, meus olhos nos seus, e de repente, quando tudo se encaixa e estamos no auge de nossas emoções e sensações, esquecemos do mundo.

Fico admirando você de longe, teu corpo maravilhoso, e imaginando tudo que poderia ser feito se você assim permitisse.

Tocar cada parte de você com muito carinho como se o tempo fosse tudo para nós.

Beijar você, sentir o seu abraço, e escutar as batidas do seu coração.

Tudo isso é possível, basta que eu tenha uma resposta afirmativa que parta de você.

Gostaria que tudo fosse eterno e que o mundo parasse por algumas horas.

Você é demais...

Não preciso dizer o que quero
Sei o que você quer
Temos o mesmo desejo... a mesma tara
O tesão toma conta do nosso corpo
Quero sexo... só sexo, sem compromisso
Quero você na minha cama... nua
Quero sentir seu calor
Desejo o seu corpo como nunca
Suas curvas, seu beijo, seu gosto
Vamos delirar... delirar de prazer
Vamos gozar... como nunca gozamos
Quero te ver gozar, te ouvir gemer
Quero sexo sem compromisso com você!

Vem ficar comigo
Delirar em minhas fantasias
Viajar em meus desejos
E me deixar te dominar
Te beijar, suavemente te tocar
Te desejar e te dar prazer
Prazer que jamais imaginou ter
O prazer que só comigo terá.

Enfermeira não fala, coordena vibrações nas cordas vocais,
Enfermeira não pensa, faz sinapse.
Enfermeira não toma susto, recebe respostas galvânicas incoerentes.
Enfermeira não chora, produz secreções lacrimais.
Enfermeira não espera retorno de e-mail, espera feed-back.
Enfermeira não perde energia, gasta ATP.
Enfermeira não divide, faz meiose.
Enfermeira não beija, permuta microorganismos.
Enfermeira não se olha no espelho, faz avaliação postural.
Enfermeira não respira, faz trocas gasosas.
Enfermeira não sente dor, tem estímulos nociceptivos.
Enfermeira não espreguiça, faz alongamento.
Enfermeira não tem estresse, tem arritmia sinusal...
Enfermeira não come, degusta.
Enfermeira não cheira, olfata.
Enfermeira não toca, tateia.
Enfermeira não respira, quebra carboidratos.
Enfermeira não elogia, descreve processos.
Enfermeira não tem reflexos, tem mensagens neuro-transmitidas involuntárias.
Enfermeira não facilita discussões, catalisa substratos.
Enfermeira não admite algo sem resposta, analisa o hereditário.
Enfermeira não se apaixona, tem comportamento de padrão motor ativado pelas reações químicas induzidas pelas respostas emocionais.

Ser Enfermeira é... uma arte!

Marcelo Fouquet Rosembrock

Beijar...
Esse verbo que tantas e tantas bocas expressam, sentem...
Que nos faz delirar!
Delírios esses, que estremece nossa anatomia, pensamentos, suspiros...
Suspiros esses, que nos desliga do mundo real, fazendo-nos flutuar, levando-nos aos céus da felicidade!
Beijar...
Verbo magnífico, que renova cada célula de nossa anatomia, fazendo-nos renascer.
Beijar...
Verbo que expressa desejos contidos de dois seres em busca do prazer.
Prazer esse, que ao toque de duas bocas, tornam-se único na busca do tão desejado Céus.
Fazendo o plural em um magnífico singular, desejo único, completo!
Beijar...
Verbo que nos leva ao ÊXTASE!

Primavera
Abriu-se em flor
todo o jardim
rosas vermelhas
branco jasmim.

Pairam bailando
os colibris
beijando dálias
e bogaris.

Eu tenho
Eu quero
Você tem
Saudades de não estar você comigo
Te amo sem você querer
Desculpas de não te você ao meu lado
Sinto por não poder te beijar
Rotina e olha a sua foto e saber que você é meu grande amor!

Há beijo para tudo que é gosto.
Há beijo no rosto para filhos,
pais, amigos e conhecidos.
Há beijo selinho para
demonstrar mais carinho.
Há beijo roubado de amor revelado.
Há beijo estalado para
um amor recém conquistado.
Há beijo molhado para
amor já escaldado.
Há beijo choroso para
o amor acabado.
Há beijos secretos e
outros flagrados.
Há o primeiro e o último beijo
que para sempre serão recordados.
Há beijo de tudo que é jeito,
atrevido e desajeitado.
Há beijos com línguas entrelaçadas,
ou com dentes chocados.
Há beijo quente e beijo frio,
mas que causam arrepio.
Há beijo de verdade e beijo encenado.
Há beijo de tudo que é sabor,
mas beijo bom mesmo é beijo
dado com amor, seja lá como for!

O melhor beijo é o beijo desejado,
o beijo que me completa,
o beijo da minha forma adequada,
o beijo com o sabor do desejo
na flor da minha pele,
o beijo da minha vontade,
o beijo que faz o meu pensamento,
o beijo que faz a minha boca e
meu corpo querer um novo beijo
outra vez e mais outra vez.
O melhor beijo é o beijo sem tempo,
o beijo de longa duração ou de
pouca duração,
um beijo de vinte segundos
ou de vinte minutos, isto não importa.
O tempo não conta,
enquanto se beija o tempo para,
o tempo freia.
E nesta inércia do tempo
só sinto a louca vontade do outro.
Sinto a outra língua que de encontro
com a minha faz um passeio suave e
excitante umedecendo minha alma.
Sinto a língua que viaja dos
dentes ao céu da boca.
Sinto a língua que acarinha os
meus lábios. A língua e a língua...
A língua que me roça, que me percorre,
que me navega e que me lambe...
O melhor beijo é o beijo em que a língua
faz o beijo e o beijo faz o sexo.

Beijos há muitos, de vários tipos e sabores. Beijos se dão a pessoas diferentes de formas diferentes. Há beijos de amor, de paixão, de carinho; há beijos de saudade, beijos de despedida e beijos de boas-vindas.

Mas todos os beijos são bons, todos significam algo positivo, pois só beijamos as pessoas que gostamos. Então beije muito, pois um beijo sentido e carinhoso vai deixar marca no coração de quem o recebe, uma marca eterna!

Um beijo pode dizer muitas coisas sem na verdade dizer nada. Um beijo pode contar uma história de amor, confessar saudades ou a tristeza de uma despedida.

Um beijo pode curar uma dor, como quando uma mãe beija um machucado de um filho. Um beijo pode transformar um momento banal em um momento mágico, pois o beijo é o gesto que mais nos aproxima das pessoas que amamos.

Então hoje dê muitos beijos, de amor, de carinho, de amizade ou de saudade. Dê um beijo à sua mãe, ao seu pai, ao seu amor, aos seus filhos, aos seus amigos. Hoje beije mais, beije muito! Beije as pessoas que mais ama, pois esses beijos sinceros ficarão guardados para sempre nos corações delas.

Namora, quem lê nos olhos e sente no coração as vontades saborosas do outro.

Namora, quem se embeleza em estado de amor.
A pele melhora, o olhar fica com brilho de manhã.

Namora, quem suspira, quem não sabe esperar, mas espera, quem se sacode de taquicardia e timidez diante da paixão.

Namora, quem ri por bobagem, quem entra em estado de música, quem sente frios e calores nas horas menos recomendáveis.

Namorados que se prezam tem a sua música e não temem se derreter quando ela toca.
Ou, se o namoro acabou, nunca mais dela se esquecem.

Namorados que se prezam gostam de beijo, suspiro, morderem o mesmo pastel, dividir a empada, bebem no mesmo copo.
Apreciam ternurinhas que matam de vergonha fora do namoro ou lhes parecem ridículas nos outros.
Por falar em beijo, só namora quem beija de mil maneiras e sabe cada pedaço e gostinho da boca amada.
Beijo de roçar, beijo fundo, inteirão, os molhados, os de língua, beijo na testa, beijo livre como o pensamento, beijo na hora certa e no lugar desejado.
Sem medo, nem preconceito.
Beijo na face, na nuca e aquele especial atrás da orelha, no lugar que só ele ou ela conhece.

Por isso, só namora quem se descobre dono de um lindo amor, tecido do melhor de si mesmo e do outro.
Só namora quem não precisa explicar, quem já começa a falar pelo fim, quem consegue manifestar com clareza e facilidade tudo o que fora do namoro é complicado.

Namora, quem diz: "precisamos muito conversar" e quem é capaz de perder tempo, muito tempo, com a mais útil das inutilidades e pensar no ser amado, degustar cada momento vivido e recordar palavras, fotos e carícias com uma vontade doida de estourar o tempo e embebedar-se de flores astrais.

Namora quem é bom, quem gosta da vida, de nuvem, de rio gelado e de parque de diversões.

Namora quem sonha, quem teima, quem vive morrendo de amor e quem morre vivendo de amar.

Um beijo é uma forma de expressar carinho a outra pessoa, e é uma das formas mais íntimas, mais próximas. É talvez a maneira mais bela, mais poética de declarar amor, paixão ou singela ternura.

Um beijo é dado colando a pele, os lábios ou os lábios na pele, mas onde mais se sente um beijo sincero, apaixonado ou roubado é no coração. Os beijos deixam saudades, dão vontades, fazem o sangue ferver e a cabeça rodopiar. Os beijos têm poderes mágicos, curam dores, marcam inícios, mas também finais.

Use o poder do beijo a seu favor e beije mais, beije com sinceridade aqueles que ama e imprima no coração deles uma recordação eterna com um gesto belo de carinho.

Para tudo na vida existe uma primeira vez, e assim é também com o beijo. E quem não se lembra do seu primeiro beijo de amor? É um momento mágico. Mesmo que naquele instante nossa cabeça estivesse nadando em dúvidas e temores, o que fica na memória é a inocência de um momento mágico.

Em apenas segundos descobrem-se milhares de novas sensações, e mesmo que nada mude depois, nesses segundos acreditamos que todo nosso mundo acaba de se transformar. O primeiro beijo, tal como o primeiro amor, deixa saudades eternas, e quase todos trazemos esse momento guardado na memória com carinho.

Mas sempre que um novo amor surge em nossa vida, há um novo primeiro beijo, e em cada um desses beijos revivemos a mágica do nosso primeiro e único beijo.

Beijo divino! e anseio, delirante,
Queima-me o sangue, enche-me o pensamento,
Não consigo descrever o sabor de seus beijos
invadindo minha boca e me dominando com o prazer mais suave e gostoso...

No mais puro êxtase, me encontro parado, perdido na sua boca
Quero te arrancar suspiros, te levar ao delírio,
Só para sentir com você o prazer.
Que tenho ao seus lábios explorar

Vamos ser loucos, vamos beijar sem parar e em qualquer lugar...
Deixando o instinto nos guiar, sem limites, sem regras e sem juízo!
Quero teus olhos a cobiçar-me,
Tuas mãos a tocar meu corpo ardendo de desejo

Você me excita e eu gosto, gosto muito... e enlouqueço com seus beijos
Sinto o poder de sedução que vem de teus lábios
entreabertos, provocadores...
Que me desnorteiam em teus braços...

Com seu beijo, tempo para...
E neste intervalo de tempo, só sinto a louca vontade
de mais um beijo!

As rosas vermelhas Espalhadas na sala Nos vasos alinhados Inebriando de paz Teus olhos amados...
Em todos os botões de rosa um beijo Sinônimo do nosso amor e paixão Dos sonhos mistérios e segredos Explícitos em nossos corações Bombando de carinho e desejo...
Dezoito anos de felicidades Juventude de candura lidima Unindo nossas mãos na estrada Na labuta de construir uma vida Recatada de amor e realidade...
Nesta noite cantaremos sem parar As musicas dos eternos aniversários Que juntos viveremos abraçados Bêbados de amor e felicidades Recepcionaremos os amigos da alma...
As felicitações serão guardadas Nas gavetas da intensa saudade Que ficará na mente para mais tarde Lembrar desse dia imensurável De festa e amor inenarrável.
De mim as rosas e meus beijos São partes do amor indubitável Que faz meu peito flamejar Condensando-se em teus braços De musa e mulher da minha alma
Na festa do teu aniversário. Beijos mil beijos querida Eterno seja sempre esse dia Que Deus abençoou teu espírito Com os louros do amor e da vida.

Fecho os olhos e me imagino em seus braços.
Meu corpo junto ao seu, vibra intensamente,
ao toque sutil das suas mãos.

Vejo a sua boca, a minha procurar
e não a deixo esperar.
Selo, com um beijo molhado,
esta busca gostosa, que me faz delirar.

Quero você junto a mim.
Sentir o seu cheiro e ver seu corpo inteiro
o meu também querer.

Meu peito colado ao seu,
sente o seu coração acelerado
que aumenta a cada carinho recebido,
pois minhas mãos, não consigo mais controlar.

Tudo é tão gostoso.
Até o toque de nossas bocas
em simples beijos, me faz arrepiar,
despertando ainda mais minha louca vontade
de poder te amar.

Em seu rosto, vejo a expressão do desejo.
Sinto suas mãos em meu corpo deslizar.
Todo o meu ser se estremece,
e deixa brotar ainda mais esta ânsia
de lhe pertencer.

Te desejo como nunca.
Queria seu corpo agora, para cobri-lo de beijos.
Preciso de você, como jamais precisei de alguém.
Não sei mais viver sem o calor do seu corpo,
sem o toque das suas mãos e da sua boca,
que me diz coisas lindas
e a cada beijo, me enlouquece.

É Amor?... É Paixão?... É Desejo?
É tudo...
Estou completamente embriagada por você.
Quero perder a razão
e só retornar a realidade quando, juntos,
explodirmos de prazer, Eu e Você.